Windows Server 2012: Microsoft lança seu sistema na nuvem para empresas

Por Fernanda Morales | 04 de Setembro de 2012 às 16h45

A Microsoft anunciou na manhã desta terça-feira (4) o seu novo sistema na nuvem, o Windows Server 2012, durante um evento online. As versões para teste do software para produtoras de hardware e consumidores já estão disponíveis.

"O sistema operacional sempre foi o coração da TI e agora está passando por um renascimento no novo mundo de serviços contínuos na nuvem, equipamentos conectados e grandes quantidades de dados", afirmou ao EE Times Satya Nadella, presidente do Windows Server. "O legado único da Microsoft no mercado de sistemas operacionais, aplicações e serviços na nuvem nos posiciona para oferecer o sistema operacional Cloud, baseado no Windows Server e no Windows Azure, ajudando os clientes a atingir um datacenter sem fronteiras".

Como parte do lançamento, funcionários da empresa estão explicando os mais de 300 novos recursos no sistema através de vídeos gravados. E segundo o ZDNet, o Windows Server 2012 é considerado um elemento chave e estratégico da Microsoft 'Cloud OS', que integra a concepção de um sistema operacional na nuvem que está se transformando.

O Windows Server 2012 foi desenvolvido para expandir a definição de um sistema operacional de servidor, com grandes avanços na visualização, armazenamento e rede. Os novos recursos do serviço permitirão que seus clientes tenham uma experiência mais rápida e possam acessar seus bancos de dados e aplicações com mais segurança e agilidade.

Windows Server 2012 lançamento

A combinação do novo Server ao Windows Azure e ao System Center também permitirá que os usuários gerenciem e entreguem aplicações e arquivos em nuvens privadas, hospedadas ou públicas, com base em seu estilo de trabalho e negócios.

Outra facilidade do sistema é a capacidade de replicação, que permite a criação de quantas réplicas de documentos forem necessárias pela empresa. Os usuários ainda poderão gerenciar seus arquivos a partir de vários servidores diferentes e também fazer o storage virtual, onde mais de uma máquina conversa entre si.

E outro recurso interessante do Windows Server é a Virtualization Desktop Infrastructure (VDI), ou virtualização de desktop, em tradução livre, que permite que qualquer máquina ligada à rede receba o desktop do usuário. A ferramenta ainda permite o acesso ao desktop remoto em dispositivos móveis como smartphones e tablets.

Os clientes poderão utilizar todos os recursos e facilidades do armazenamento na nuvem para gerenciar sistemas, desenvolver aplicações, banco de dados e visualização de documentos. A Microsoft realizou uma pesquisa prévia com os primeiros 70 clientes do sistema, em que 52% esperam que, com o uso Server 2012, seja possível uma redução no tempo de inatividade, e 41% dos usuários acreditam que poderão economizar na carga de trabalho, garantindo 15 horas de produtividade salvas por ano por empregado.

Além disso, 91% das empresas entrevistadas esperam conseguir reduzir o tempo de trabalho da administração do servidor e 88 por cento também acreditam que irão diminuir o tempo de administração de sua rede com a implantação do Windows Server.

A companhia também está investindo na adaptação dos seus consumidores as ferramentas na nuvem e não apenas na criação de novos recursos. O Windows Server 2012 começou a ser desenvolvido em 2009 e, no seu primeiro ano de trabalho, a Microsoft dividiu a equipe de desenvolvedores em times definidos para trabalhar em cada um dos aspectos do sistema. E somente depois de alguns meses de trabalho separado, as equipes se uniram para integrar seus projetos.

Os funcionários da empresa esperam que o produto final seja coerente e convincente para os clientes em termos de posicionamento, licenciamento e preços.

O site Neowin ainda informa que a Microsoft já divulgou os valores das diferentes versões do Windows Server 2012 SDK, que variam de US$ 425 (cerca de R$ 867) até US$ 4.809 (aproximadamente R$ 9.816). O sistema está disponível em quatro versões: Windows Server 2012 Datacenter, para ambientes virtualizados com nuvem privada; Windows Server 2012 Standard, voltado para os ambientes físicos; Windows Server 2012 Essentials, voltado para as pequenas empresas e Windows Server 2012 Foundation, para companhias com até 15 usuários.

Canaltech no Facebook

Mais de 370K likes. Curta nossa página você!