Pesquisa revela baixa aderência à computação em nuvem nas empresas brasileiras

Por Redação | 05 de Junho de 2014 às 09h19

Um estudo conduzido pela Convergência Research revelou que pouco mais de um quarto (26%) das pequenas e médias empresas (PMEs) brasileiras atualmente usam um aplicativo em nuvem, número que sobe para 47% entre as grandes com mais de 250 funcionários.

Encomendada pela Qualcomm, a pesquisa teve como finalidade compreender o grau de adoção, assimilação e uso de novas tecnologias na sociedade. Ficou constatado que a principal barreira para a adoção da nuvem por pequenas e médias empresas, segmento do mercado que pode se beneficiar bastante dos baixos custos, é o desconhecimento. Somente 15% das PMEs que não usam cloud disseram saber do que se trata a tecnologia.

Entre as PMEs que usam a nuvem, os aplicativos adotados não são complexos. A maioria usa sistemas de armazenamento de dados e cita como razão para a adoção a simplicidade de trocar arquivos (31%), a portabilidade de documentos (27%) e as vantagens de capacidade de armazenamento (18%).

Aplicativos na nuvem se tornaram realidade no ambiente corporativo nos últimos anos por oferecerem funcionalidades com baixo investimento e um modelo de pagamento baseado no volume de uso. Com a disponibilização e popularização de novas funções em nuvem, espera-se que o Brasil aumente o uso de serviços e soluções baseados na plataforma.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.