58% dos usuários de nuvem compartilham senhas de softwares comerciais

Por Redação | 20 de Julho de 2016 às 11h51

Um estudo global sobre software mostrou que cerca de 58% dos usuários de computação em nuvem compartilham alguma senha ou credencial de acesso a serviços de software comercial. A pesquisa, realizada em 32 países, incluindo o Brasil, foi feita pela BSA Software Alliance, que também constatou que mais de um em cada dez entrevistados compartilham informações com pessoas fora do ambiente de trabalho.

Entre os usuários que confessaram compartilhar alguma informação com pessoas fora do trabalho, 72% indicaram que já fizeram isso mais de uma vez. O estudo também explica que boa parte do problema do compartilhamento de senhas está relacionado com a falta de orientação e ausência de políticas claras nas empresas para o uso de serviços em nuvem. Cerca de 42% dos entrevistados afirmaram que as empresas onde trabalham não possuem tais regras.

"A nuvem precisa de gestão corporativa, ou seja, políticas para a aprovação de fornecedores de serviços em nuvem e que definam seu uso de forma segura. Compartilhar senhas e logins fragiliza a segurança da informação", diz Antônio Eduardo Mendes da Silva, gerente da BSA para o Brasil.

A empresa recomenda a criação de um programa de gestão de ativos de software (SAM) que seja eficiente. O objetivo é definir as métricas para a compra de softwares em nuvem de maneira segura, além de monitorar as provisões de licenciamento e o número de usuários que acessam o serviço. Segundo o estudo, a implementação dessa abordagem pode gerar economias da ordem de 25% por meio da eliminação de ineficiências, como a hospedagem de programas desnecessários.

Via CIO

Siga o Canaltech no Twitter!

Não perca nenhuma novidade do mundo da tecnologia.