Homem filma com pau de selfie momento em que é roubado

Por Redação | 13.07.2015 às 09:02
photo_camera Divulgação

Ainda que o pau de selfie tenha se tornado alvo de piada de muita gente e um objeto proibido em vários lugares, como festivais de música e a própria Disney, não há como negar que o acessório tem lá suas utilidades. E não estamos falando apenas de ajudar a tirar aquela foto com seus amigos, mas também para identificar quem tentou roubá-lo.

Foi o que aconteceu com o baterista equatoriano Diego Miño, que estava filmando a multidão durante a visita do Papa Francisco ao país e teve seu celular roubado por uma quadrilha que se aproveitava da falta de cuidado das pessoas para realizar pequenos furtos. Foi graças ao seu pau de selfie e sua GoPro que ele conseguiu identificar a dupla de ladrões e descobrir como eles agiam.

Como as imagens gravadas por Miño mostram, os criminosos se aproveitam da desatenção do público, principalmente daqueles que estão filmando e fotografando por aí, para se aproximar sorrateiramente, colocar a mão no bolso e levar o que conseguisse pegar. E o mais impressionante é o modo como eles agiam, escolhendo uma presa e perseguindo-a incessantemente em meio à multidão.

Tanto que, em vários momentos, é possível perceber que o rapaz se afasta dos bandidos e eles logo apressam o passo para alcançá-lo mais uma vez. Até que, em determinado momento, um deles se aproxima um pouco mais e realiza o furto, sem que a vítima perceba.

O que eles não esperavam era que o pau de selfie tivesse uma utilidade naquela hora, o que permitiu que Miño identificasse a dupla. Apesar de não ter sido revelado se as imagens foram levadas à polícia a ponto de ajudar na localização dos criminosos, o simples fato do vídeo ter rodado o mundo já é uma ajuda e tanto nesse sentido.

Porém, ainda que a combinação GoPro e pau de selfie tenha criado uma espécie de câmera de segurança que revelou o instante do crime, a verdade é que ela pouco ajudou o rapaz na hora de evitar o assalto. Como o site CNET brinca, talvez se não estivesse preocupado em filmar seu passeio pelo local da visita do Papa, o rapaz estaria com as mãos no bolso e um pouco mais atento aos seus pertences.

Pode parecer exagero, mas é algo que vale a pena ser pensado. Afinal, não é raro você ver pessoas tão entretidas com tirar uma selfie ou fazer um vídeo com os amigos e deixar sua segurança de lado. Basta ver como a dupla filmada por Miño parece saber disso e marca o rapaz como um alvo, perseguindo-o incessantemente por saber que ele não estaria atento o suficiente para perceber o furto.

Assim, seja em um show ou na visita do Papa, o ideal é ficar sempre de olho em suas coisas, principalmente durante uma selfie para não sair mal na foto.

Via: Rozana Zofina (YouTube), CNET