Fingir ser outra pessoa no Facebook pode afetar sua saúde mental

Por Redação | 23.08.2016 às 10:26

Dado que é fácil criar uma nova conta com um novo nome e uma nova foto, é tentador criar e se reinventar no mundo virtual sob um perfil totalmente diferente do seu na vida real. Porém, aparentemente, essa pode não ser uma boa ideia. Deixando as implicações éticas e morais de lado, pode ser que fingir ser outra pessoa em redes sociais como o Facebook pode afetar a sua saúde mental.

Essa é a conclusão de um estudo conduzido pela dupla de pesquisadores Rachel Grieve e Jarrah Watkinson, da Universidade da Tasmânia, Austrália. A pesquisa contou com a participação de 146 participantes, que preencheram um formulário a respeito de suas próprias características e outro sobre as pessoas que elas tentam representar no Facebook.

redes sociais

Baseados nos resultados do estudo, os pesquisadores chegaram à conclusão de que pessoas que agem de modo diferente na rede social tendem a ser mais depressivas, ansiosas e estressadas do que as pessoas que não tentam fingir nenhum papel diferente do que são na realidade. Eles também concluíram as pessoas que fingiam ser outras pessoas eram mais carentes de atenção do que as outras.

Mas o que isso significa? Basicamente, seja você mesmo, e quando aquela sua outra personalidade quiser aparecer mais do que você mesmo, pelo menos quando se trata de redes sociais, ignore, pois provavelmente ela não acrescentará nada à sua vida. O estudo completo pode ser lido aqui.

Via: UberGizmo