Liga da Justiça: 20 curiosidades sobre o filme que vai reunir os heróis da DC

Por Caio Carvalho | 21.06.2016 às 14:25 - atualizado em 21.06.2016 às 16:54
photo_camera Divulgação

Rumores indicavam que o filme da Liga da Justiça, que só estreia no final do ano que vem, ganharia as primeiras informações nesta terça-feira (21). E de fato aconteceu: sites nacionais e internacionais tiveram a oportunidade de visitar o set de gravações do longa, nos estúdios de Leavesden, em Londres, e contaram o que viram nos galpões em que o título está sendo rodado.

Dirigido por Zack Snyder e estrelado por Henry Cavill, Ben Affleck, Gal Gadot, Jason Momoa, Ezra Miller e Ray Fisher, Liga da Justiça chega aos cinemas em 16 de novembro de 2017. Reunimos abaixo algumas curiosidades do que virá por aí no universo estendido da DC Comics nos cinemas.

Um filme só, mas interligado com os demais

Liga da Justiça

O filme ganhou seu logo (imagem acima) e sinopses oficiais. Além disso, o longa, que anteriormente seria dividido em duas partes, agora está sendo rodado como um único filme. Os produtores Deborah Snyder e Chuck Roven também confirmaram que cada filme da DC é independente um do outro, mas todos cabem em uma linha do tempo porque serão interligados por uma série de fatores. "Um filme não precisa do outro. Eles operam por contra própria. Todos têm o próprio tom e lidam com personagens diferentes. No entanto, todos estão no mesmo universo fílmico e há pequenos detalhes que cruzam suas histórias, mas isso não é algo essencial para a trama", disse Snyder.

Esta é a sinopse oficial de Liga da Justiça:

Movido por sua fé restaurada na humanidade e inspirado pelo sacrifício do Superman, Bruce Wayne conta com a ajuda de sua nova aliada, Diana Prince, para enfrentar um inimigo ainda maior. Juntos, Batman e Mulher-Maravilha trabalham rápido para encontrar e recrutar uma equipe de meta-humanos para se opor à nova ameaça. Mas, apesar da formação dessa liga de heróis sem precedentes — Batman, Mulher-Maravilha, Aquaman, Flash, e Ciborgue —, pode ser tarde demais para salvar o planeta de um ataque de proporções catastróficas.

O filme começa meses depois de Batman vs Superman

A trama de Liga da Justiça se passa alguns meses após os eventos de Batman vs Superman: A Origem da Justiça. Batman (Affleck) sente que algo está chegando e sabe da necessidade de reunir um grupo de heróis que pode lutar contra a ameaça. A história é centrada na busca de Bruce Wayne em encontrar esses personagens e colocá-los juntos no campo de batalha, permitindo que todos consigam interagir uns com os outros mesmo cada um tendo uma personalidade diferente.

Caixas Maternas

O filme também vai explorar a origem das caixas maternas, artefatos de milhares de anos cuja origem é Apokolips, o planeta natal do vilão Darkseid. Quem assistiu a Batman vs Superman certamente deve se lembrar de uma cena em que Diana (Gadot), ao ter acesso aos arquivos da LexCorp roubados por Bruce, vê em seu computador quando o cientista Silas Stone (Joe Morton) ativa uma caixa materna para salvar o filho, Victor Stone (Fisher), que graças a ela se torna o Ciborgue.

Haverá um total de três desses artefatos no filme: após um evento misterioso em determinado momento histórico, um ficou com a humanidade, outro com o povo de Atlântida e outro com as Amazonas. O que se especula é que Liga da Justiça deve voltar no tempo, milhões de anos no passado, para tentar explicar como essas caixas chegaram ao nosso planeta. Segundo Deborah Snyder, Zeus tem um pequeno envolvimento na história das caixas maternas.

Lobo da Estepe será o vilão principal

Liga da Justiça

Ao contrário do que muitos esperavam, o vilão do longa-metragem não será Darkseid, mas sim o Lobo da Estepe (Steppenwolf). Nos quadrinhos, ele é tio de Darkseid e um dos generais mais confiáveis do tirano. Contudo, ainda não foi escolhido o ator que viverá o personagem. Vale lembrar que ele aparece em uma cena deletada da primeira versão de Batman vs Superman, em que Lex Luthor (Jesse Eisenberg) é visto diante do Lobo, que por sua vez parece controlar três caixas maternas. Além disso, os parademônios vistos por Bruce na cena do pesadelo em Batman vs Superman terão um papel importante no filme.

Willem Dafoe será Vulko

Liga da Justiça

Willem Dafoe, o Duende Verde da primeira trilogia do Homem-Aranha, viverá Nuidis Vulko. O personagem é conselheiro científico chefe da realeza de Atlântida, figura política e acadêmica do universo do Aquaman. Em uma arte conceitual de Vulko, Dafoe aparece portando um machado nas costas, enquanto sua vestimenta real tem o mesmo design das roupas que serão usadas pelo Aquaman (Momoa) e pela rainha Mera (Amber Heard). Agora que foi confirmado como um dos moradores de Atlântida, certamente Dafoe deve integrar o elenco do filme solo do Aquaman, que estreia em 2018.

Liga da Justiça será bem menos sombrio que Batman vs Superman

Diferente de Batman vs Superman, Liga da Justiça terá um tom mais cômico e com uma temática voltada para um público mais jovem. Deborah Snyder afirmou que o longa promete ser "mais inclusivo" que o filme anterior, ou seja, vai abraçar não somente o espectador adulto, mas também o adolescente. "Tem tudo a ver com personagens. Temos um Flash e um Ciborgue muito mais jovens, que são definitivamente mais leves. Eles irão conversar diretamente com um público mais jovem. Acho que o filme terá um alcance muito maior. Acabamos de sair do ponto mais sombrio que pretendíamos chegar", explicou.

Deborah disse ter ouvido as críticas de BvS e que toda a equipe entendeu que o público não quer ter seus super-heróis favoritos desconstruídos. "Cada filme é um aprendizado, não é? E nós ouvimos o que todos têm a dizer, porque nos importamos com o que os fãs dizem. Ao mesmo tempo, cada história que contamos é diferente — e o caminho que estamos tomando agora é o que o público está querendo", completou.

Batman vs Superman

Zack Snyder também declarou que, após acompanhar as análises que detonaram Batman vs Superman, decidiu que o lado sombrio visto na produção agora ficou para trás. A ideia é entregar um filme que mostre, de um jeito mais leve, o propósito de ser um herói, e que a grande mudança de BvS para Liga da Justiça é aprender a confiar nas pessoas.

Os Snyder ainda disseram que os próprios personagens serão apresentados de uma forma menos sombria. Ben Affleck afirmou que o Batman de Liga da Justiça é "um pouco mais sarcástico, com mais humor e um pouco mais de ironia", enquanto Ezra Miller descreveu seu Flash como um personagem bastante divertido.

O Batman de Liga da Justiça é uma prévia do filme solo do Homem-Morcego

Uma mudança no Batman destacada por Affleck é que, no longa da Liga da Justiça, o personagem tenta se redimir de suas experiências no último filme. "Definitivamente, o Batman foi por um caminho muito obscuro que estava enraizado ao trauma causado pelo o que ele viu acontecer com as pessoas que ele amou e trabalhou. O filme não é mais sobre essa questão, pois ele não é mais tão extremista. A partir das experiências do último filme, ele teve um certo aprendizado e agora quer redimir a si mesmo e a humanidade para tornar o mundo um lugar melhor", disse.

Segundo o ator, as mudanças em Bruce Wayne preparam o terreno para o próximo filme solo do personagem, que está sendo escrito e será dirigido por Affleck. Contudo, ele afirmou que, apesar do roteiro já estar em construção, não começará a filmar até que ele tenha um script totalmente pronto.

Outra informação são os veículos usados pelo Homem-Morcego na aventura: além do retorno do Batmóvel, foram confirmados o Nightcrawler, uma máquina que anda suspensa em quatro patas, e o Flying Fox, uma fortaleza voadora. E, novamente, Zack Snyder se inspirou nos jogos de videogame do personagem, pois o uniforme do Batman terá semelhanças com o Batman de Arkham Knight.

Liga da Justiça

Ainda no universo Batman, o Comissário Gordon de J.K. Simmons terá um "visual clássico" característico do personagem nos quadrinhos, incluindo chapéu, sobretudo preto, bigode e óculos. Ele lembra o Gordon do desenho animado do Batman exibido nos anos 1990.

A Mulher-Maravilha (finalmente) ganhará mais destaque

Liga da Justiça

Além de um filme solo que estreia em junho do ano que vem, a Mulher-Maravilha terá um papel muito maior em Liga da Justiça do que sua pequena, porém grandiosa apresentação em Batman vs Superman. Segundo Gal Gadot, a heroína dos dois filmes é semelhante, mas muito diferente da personagem que veremos em sua aventura solo. "[O filme solo] É a história de amadurecimento [de Diana Prince]. É sobre ela se tornar uma adulta, de fato, e compreender as complexidades da vida e dos seres humanos", disse.

Outra mudança na Mulher-Maravilha da Liga é que ela ganhará uma capa. O acessório tem padrões de losangos, é dourado do lado de dentro e azul escuro por fora.

Flash é o alívio cômico da Liga da Justiça

Deborah e Zack Snyder disseram que o longa será mais leve que Batman vs Superman. E parte dessas mudanças será graças ao Flash de Ezra Miller, que traz uma dose de humor em meio à seriedade dos outros super-heróis. Para mostrar um pouco de sua personalidade, foram exibidas duas cenas (ainda não finalizadas) com o personagem.

A cena começa com o Barry Allen de Ezra Miller entrando em seu apartamento. Está escuro e o lugar mais parece um armazém, com o teto alto, aparência antiga, grafites pelas paredes e dezenas de televisores. Ao ligar as luzes, Bruce Wayne aparece sentado no apartamento de Barry, esperando por ele, até que Bruce entrega ao garoto uma imagem impressa de uma cena de BvS, em que Barry comprava leite e evita um assalto numa loja de conveniência usando seus superpoderes.

Visivelmente assustado, Barry diz que se trata de uma pessoa muito parecida com ele, só um "garoto judeu muito atraente", já que no filme anterior ele tinha cabelo comprido, e na Liga da Justiça ele tem cabelo curto. Bruce então diz que sabe das habilidades de Flash e quer entendê-las, mas o velocista brinca com o assunto ao dizer que suas habilidades incluem viola, web design e linguagem de sinais de gorilas — uma menção a Gorila Grodd, clássico vilão das histórias em quadrinhos do Flash.

A fim de testar Barry, Bruce atira um batrangue em sua direção e, em câmera lenta, a cena mostra alguns feixes de luz e os cabelos de Ben Affleck voando com o impacto do vento. Barry olha em detalhes a arma e percebe que Bruce é, na verdade, o Batman. A cena termina com o Homem-Morcego dizendo que está montando uma equipe para enfrentar inimigos e convidando Barry para integrar o grupo, que aceita na hora. Flash ainda pergunta se pode ficar com o batrangue.

Liga da Justiça

A segunda cena exibida aos jornalistas é num terraço cheio de chaminés em um edifício de Gotham City. É uma noite chuvosa, com muitos relâmpagos, e o Comissário Gordon acende o batsinal para convocar Batman, Mulher-Maravilha e Flash. Gordon diz que dezenas de testemunhas na cidade e em Metrópolis afirmaram ter visto alienígenas sequestrando pessoas. Os aliens em questão são os parademônios, ou "macacos voadores", como diz o Batman.

Ciborgue chega para completar o time e, após alguns diálogos, Gordon conclui que a Ilha Stryker, uma das prisões mais famosas das HQs da DC, é o local que deve abrigar um ninho de parademônios. Batman diz que túneis abandonados em 1929 da companhia de saneamento de Gotham podem oferecer pistas e levar os heróis até a ilha. É quando o Flash improvisa duas piadas ao final da cena: "Se ele [Gordon] vier com a gente não vai caber no carro", cochicha Flash para o Batman. Depois, Batman, Diana e Ciborgue somem repentinamente, deixando Flash e Gordon sozinhos. "O quê!? Eles fizeram isso realmente? Que rude!", comenta Barry, antes de sair também.

Outras curiosidades

  • Zack Snyder disse que ainda não foram gravadas cenas em que todos os membros da Liga da Justiça aparecem juntos. Aliás, isso é algo que só deve acontecer mais para o final do filme;
  • As filmagens não estão sendo feitas em IMAX;
  • A trilha sonora será do DJ holandês Junkie XL, sem a colaboração de Hans Zimmer;
  • Uma das inspirações para Liga da Justiça é a obra de Jack Kirby, criador de Darkseid e dos Novos Deuses do mundo espacial da DC;
  • Boa parte do figurino usado no filme está sendo fabricado via impressão 3D. O traje do Flash, por exemplo, é composto por 148 peças — 70 somente no capuz —, incluindo um par de sapatos com o raio, símbolo do herói, em ambos os lados e na base;
  • Após as denúncias de agressão do ex-marido Johnny Depp, Amber Heard teria sido cortada de Liga da Justiça. Deborah Snyder desmentiu os rumores e disse que a atriz está confirmada como Mera no filme;
  • Alfred e Bruce Wayne serão responsáveis por várias tecnologias usadas pelos membros da Liga da Justiça;
  • Henry Cavill não esteve no set de filmagens no dia que a imprensa visitou o local, mas o Superman vivido pelo ator aparece nas artes conceituais com o resto da Liga;
  • Mesmo estando preso, Lex Luthor vai aparecer com a trama já avançada;
  • Silas Stone, pai do Ciborgue, pode ter morrido na cena em que seu filho é transformado pela caixa materna. Isso porque a sala nos Laboratórios STAR em que o herói faz seus testes se chama "Laboratórios Silas", provavelmente em homenagem ao pai;
  • O uniforme de escamas do Aquaman é semelhante ao visual do personagem nos quadrinhos, com as calças verdes e o peito amarelo;
  • O Ciborgue de Ray Fisher é quase inteiro feito por computação gráfica. A única parte que não terá efeitos visuais é um pedaço do rosto do ator, que tem de usar um traje de captura de movimentos durante as filmagens.

Fontes: Collider (1, 2, 3, 4), Comic Book Movie (1, 2), Digital Trends, io9, Mashable, Omelete (1, 2, 3, 4)