Lançamento de Marighella é adiado indefinidamente

Por Felipe Demartini | 13 de Setembro de 2019 às 11h22
Paris Filmes

O lançamento da cinebiografia de Marighella, dirigida por Wagner Moura, foi adiado indefinidamente no Brasil. Em comunicado enviado à imprensa nesta quinta-feira (12), a produtora O2 Filmes afirma não ter sido capaz de cumprir os trâmites burocráticos exigidos pela Ancine (Agência Nacional do Cinema) e que, por isso, a previsão original de lançamento para o dia 20 de novembro foi cancelada.

O cancelamento estaria relacionado, principalmente, a uma dificuldade em lidar com a liberação de verbas da Ancine, com dinheiro já utilizado na produção e que, agora, precisa ser ressarcido. Marighella já estreou em festivais internacionais, sendo aclamado pela crítica, mas a chegada em sua terra natal, agora, parece um bocado complicada.

Devido à burocracia, o longa perde duas datas importantes do calendário. Primeiro o próprio ano de 2019, que marca os 50 anos da morte de protagonista, que no filme dirigido por Wagner Moura é interpretado por Seu Jorge. E, segundo, o Dia da Consciência Negra, um tema também importante desde o início do desenvolvimento do longa, que conta a história de Carlos Marighella.

A produtora O2 Filmes afirmou apenas que o objetivo principal do longa sempre foi a estreia no Brasil e que, por isso, continuará trabalhando ao lado da Ancine e de sua distribuidora, a Paris Filmes, para que uma nova estreia seja revelada para Marighella. Uma nova data não foi anunciada.

Além de Seu Jorge, Bella Camero, Bruno Gagliasso, Adriana Esteve e Humberto Carrão estão no elenco de Marighella. O longa também marca a estreia de Wagner Moura como diretor.

Fonte: Veja São Paulo

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.