Jeremy Bulloch, o Boba Fett original de Star Wars, morre aos 75 anos

Jeremy Bulloch, o Boba Fett original de Star Wars, morre aos 75 anos

Por Claudio Yuge | 17 de Dezembro de 2020 às 21h40
CBR

Ainda está para surgir na cultura pop um personagem com tão pouco tempo de tela que se tornou instantaneamente cult e adorado quanto Boba Fett em Star Wars. Seu jeitão misterioso o visual cool deixou todo mundo intrigado desde sua primeira aparição. E embora o rosto mais conhecido do caçador de recompensas seja o de Temuera Morrison, foi o ator Jeremy Bulloch quem vestiu o traje do anti-herói pela primeira vez. E nesta quinta-feira (17), a conta de Star Wars no Twitter anunciou a morte de Bulloch, aos 75 anos, devido a complicações causadas pelo Mal de Parkinson.

“Jeremy Bulloch, cujo desempenho inesquecível como notório caçador de recompensas Boba Fett cativou o público desde que apareceu pela primeira vez em Star Wars: O Império Contra-Ataca, em 1980, infelizmente faleceu. Ele será lembrado não apenas por sua representação icônica do personagem lendário, mas também por seu calor e espírito generoso, que se tornaram uma parte duradoura de seu rico legado”, diz a postagem no Twitter.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Bulloch iniciou sua carreira de ator na série Counter-Attack!, nos anos 1960, e, antes de aparecer em Star Wars, esteve em capítulos de Doctor Who e em três filmes de James Bond. Contudo, seu papel mais icônico foi mesmo na saga criada por George Lucas, com participações breves, porém poderosas, em O Império Contra-Ataca e O Retorno de Jedi, em 1980 e 1983, respectivamente.

Imagem: Reprodução/Star Wars

Daniel Logan, ator que interpretou o jovem Boba Fett em Ataque dos Clones, tornou-se próximo de Bulloch e ficou abalado com sua morte. "Jeremy foi aquele que me ensinou a ser um cavalheiro e a interagir com fãs em convenções. Ele era um verdadeiro cavalheiro inglês", disse em entrevista ao The Hollywood Reporter.

"Ele morreu pacificamente, em um hospital, cercado pela família. Ele teve uma carreira longa e feliz de mais de 45 anos. Ele era dedicado a sua mulher, seus três filhos, seus dez netos e vai fazer muita falta", lamentaram seus agentes.

Fonte: CBR

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.