Estúdio testou efeito especial para trocar etnia de atores em Ghost in the Shell

Por Redação | 15.04.2016 às 19:26

Após a revelação da primeira imagem de Scarlet Johansson como a protagonista Makoto Kusanagi para a adaptação live action de Ghost in the Shell, um novo rumor indica que a Paramount Pictures e a Dreamworks teriam testado efeitos especiais para transformar a etnia dos atores brancos para japoneses.

Os rumores indicam que várias fontes independentes próximas à produção teriam confirmado que o estúdio havia solicitado efeitos especiais para deixar a atriz Scarlett Johansson com características japonesas. Os testes foram realizados pela Lola VFX, empresa responsável pelos efeitos visuais usados em Brad Pitt no longa O Curioso Caso de Benjamin Button. Entretanto, após ver o resultado final, a ideia foi imediatamente descartada. A produção de Ghost in the Shell foi muito criticada após a escolha de uma atriz branca para uma personagem originalmente oriental.

Baseado no mangá cyberpunk de Masamune Shirow, a trama acompanha a Major Makoto Kusanagi, um híbrido de ciborgue e humano que comanda a força-tarefa Seção 9. Determinada a impedir os criminosos mais perigosos e extremistas, a Seção 9 é confrontada por uma organização que tem como objetivo principal a destruição dos avanços em tecnologia da Robótica Hanka.

Rupert Sanders é o diretor da adaptação, que tem no elenco Takeshi Kitano, Juliette Binoche, Michael Pitt, Pilou Asbaek e Kaori Momoi. A produção está sendo filmada na Nova Zelândia e tem data de lançamento prevista para o 31 de março de 2017 nos Estados Unidos.

Via Comic Book Resources

Fonte: Comic Book Resources