Sony Pictures abandona projeto de cinebiografia de Steve Jobs

Por Redação | 20.11.2014 às 11:16 - atualizado em 20.11.2014 às 12:09

A Sony Pictures não deve mais conduzir o projeto do filme baseado na vida de Steve Jobs do roteirista Aaron Sorkin. O comunicado foi feito pela Variety e a decisão não era esperada, já que em 2011, logo após a morte de Jobs, a Sony adquiriu os direitos da realização do longa metragem.

De acordo com o The Hollywood Reporter, o motivo da decisão é a agenda lotada da Sony, que já tem muitos filmes em produção para o ano que vem. Por isso, aparentemente eles decidiram adiar o projeto e entraram em conflito com os produtores que queriam iniciar as gravações em janeiro de 2015. Há rumores de que a Universal tem interesse em assumir o longa, mas a produtora se recusou a confirmar o boato.

Essa não é a primeira vez que alguém abre mão da cinebiografia do fundador da Apple. Os atores Leonardo DiCaprio e Christian Bale já foram nomes cotados para protagonizar Steve Jobs nas telonas, mas as negociações não avançaram. Os mais recentes rumores indicam que Michael Fassbender assumirá a posição.

O roteiro de Sorkin se baseia na biografia oficial de Steve Jobs escrita por Walter Isaacson e deve mostrar a fundo a vida pessoal do criador da Apple e o relacionamento conturbado dele com a filha, Lisa Brennan-Jobs.