Relutante, J.J. Abrams não quer filmar 'Star Wars' no Reino Unido

Por Redação | 11 de Junho de 2013 às 10h34

J.J. Abrams, diretor escolhido para rodar o próximo filme da franquia 'Star Wars' pelos estúdios Disney, afirmou nesta semana durante um evento cinematográfico em Los Angeles, Estados Unidos, que as gravações do novo longa-metragem irão começar nos primeiros meses de 2014. E o diretor também se prepara para se mudar para Londres, Reino Unido, onde serão rodadas algumas cenas de 'Star Wars: Episódio VII', segundo informações do The Guardian.

Sobre a mudança para Londres, Abrams afirmou à plateia presente no evento que isto está o "deixando louco" e que ele não tem planos de deixar suas raízes norte-americanas de lado com essa transferência. O diretor tem gravado, até o momento, todos os seus filmes em Los Angeles, onde vive com sua família, e ele chegou a pagar do próprio bolso para que todas as filmagens de 'Star Trek: Além da Escuridão' fossem realizadas na cidade californiana.

No entanto, a decisão da Disney de conduzir as gravações no Reino Unido está fortemente ligada ao caráter histórico da saga criada por George Lucas, já que os outros filmes foram rodados em estúdios como Pinewood, Ealing, Leavesden, Shepperton e Elstree. "Ele [o filme] é tão importante para as pessoas. Acho que a chave para seguir em frente com uma coisa como esta é honrar, mas não venerar o que veio antes", afirmou J.J. Abrams, indicando que ele pretende acrescentar seu próprio estilo à franquia.

A estreia do próximo filme está prevista para 2015, com os outros dois filmes da trilogia sendo lançados respectivamente em 2017 e 2019. Rumores indicam que Harrison Ford, Mark Hamill e Carrie Fischer devem voltar aos cinemas em seus papéis originais como Han Solo, Luke Skywalker e Princesa Leia.

Instagram do Canaltech

Acompanhe nossos bastidores e fique por dentro das novidades que estão por vir no CT.