Interfaces computacionais no cinema

Por Ultra Downloads | 30.05.2012 às 11:40
Interface computacional de Os Vingadores

O avanço cada vez mais rápido em recursos gráficos e tecnológicos torna mais difícil projetar um design futurista para computadores em filmes de ficção, afinal, o espectador espera ser surpreendido por algo que jamais tenha visto, e não encontrar na tela um aplicativo similar ao que tenha em seu smartphone. É a combinação do desejo de ver algo possível, porém, com certa distância da realidade em que vivemos.

Complicado? Basta lembrar-se do filme Minority Report, estrelado por Tom Cruise e lançado em 2002. Ele trazia um sistema onde os personagens interagiam com interfaces através de simples gestos com as mãos... Agora veja como funciona o Leap Motion e tire suas próprias conclusões.

Mas vamos falar de filmes recentes, como o "Homem de Ferro" e "Os Vingadores". A tecnologia aplicada à armadura do Homem de Ferro e à nave da S.H.I.E.L.D. são ótimos exemplos de que ainda se pode fazer um bom trabalho no quesito interfaces computacionais na ficção, e talvez darmos uma boa olhada no futuro. O principal responsável pela criação de ambas as artes é o designer Jayse Hansen, que nestes projetos trabalhou com programas como Adobe Illustrator, After Effects e Cinema 4D.

Para a concepção da interface da armadura do Homem de Ferro, por exemplo, Jayse desenvolveu elementos de "sistema" que pudessem ser trabalhados livremente, como se fossem controlados pelo olhar. Podemos reparar, então, muitos símbolos com elementos redondos. Para criar toda a interface, ele se baseou no painel de caças e jatos do exército americano, para entender o excesso de informações que pilotos estão acostumados a interpretar em suas telas (altura, armas, vôo, etc.). Os detalhes são tantos que, se prestarmos atenção, veremos todo o "painel de controle" da armadura de Tony Stark... funcional.

Em nossa galeria você poderá ver algumas das imagens que serviram como base para o desenvolvimento e criação dos efeitos finais de cada uma dessas tecnologias apresentadas no cinema. O trabalho é tão detalhado que, para se ter ideia, são colocadas interfaces diferentes para cada um dos elementos de controle da S.H.I.E.L.D. (caso ela esteja parada, voando ou em "modo batalha"). Outro detalhe interessante é que Jayse acrescentou alguns easter eggs nesse trabalho. É possível encontrar a sequência J4YS3 (que lembra o nome do designer) escondidos em suas artes.

Caso goste de relembrar interfaces criadas especialmente para filmes, com certeza vai gostar do site Access Main Computer File, que reúne imagens de filmes de diversas décadas. Caso queira ainda mais detalhes de Os Vingadores, clique aqui para ver o portfólio de Jayse ou aproveite nossa galeria.