Filme do WikiLeaks é considerado o maior fracasso de bilheteria do ano

Por Redação | 28 de Novembro de 2013 às 13h20

O longa “O Quinto Poder”, que leva para os cinemas a história do WikiLeaks e estreou no Brasil no dia 25 de outubro, foi considerado o maior fracasso do ano pela revista Forbes. Os cerca de US$ 28 milhões investidos na produção não foram devolvidos pelos espectadores, já que o filme acumulou apenas US$ 6 milhões nas bilheterias.

A adaptação foi alvo de diversas críticas, incluindo do próprio Julian Assange, devido à fidelidade do roteiro à história real. O WikiLeaks chegou a vazar na internet o roteiro do longa para desmentir uma série de fatos retratados. A competição com grandes blockbusters, como “Thor: O Mundo Sombrio”, também pode ter prejudicado a performance nas bilheterias.

O resultado foi taxado como inesperado pela revista, uma vez que a DreamWorks acreditava que “O Quinto Poder” poderia ser uma aposta segura. Como se não bastasse a história saída diretamente das páginas dos jornais recentes, o filme é estrelado por dois atores em ascensão, Benedict Cumberbatch (o novo Sherlock Holmes da TV) e Daniel Brühl, que chamou a atenção recentemente no papel do piloto Niki Lauda em “Rush: No Limite da Emoção”.

PECHINCHAS, CUPONS, COISAS GRÁTIS? Participe do nosso GRUPO DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Em segundo lugar na lista da Forbes está “Alvo Duplo”, protagonizado por Sylvester Stallone. Em terceiro, vem “Conexão Perigosa”, com Harrison Ford e Gary Oldman, mostrando que nomes poderosos nem sempre podem ser vistos como garantia absoluta de audiência nos cinemas.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.