Sonda Cassini registra imagem de três luas crescentes de Saturno

Por Redação | 23 de Junho de 2015 às 08h44
photo_camera Foto: Reprodução/Nasa

A sonda Cassini, lançada pela NASA em 1997, permanece no espaço cumprindo a sua missão de estudar Saturno, os seus anéis e luas. O planeta conta com nove luas, todas nomeadas, e um total de 53 satélites naturais em sua órbita.

As suas várias luas, que parecem minguar na luz, criaram uma imagem que mais parece cena de um filme de ficção científica em vez de algo do Sistema Solar. E estas imagens foram capturadas pela Cassini em março, mas divulgadas somente agora pela agência espacial norte-americana.

Luas crescentes Saturno

A maior lua, localizada no centro da imagem, se chama Titan e parece estar um pouco desfocada na parte interna devido às camadas de nuvens. A refração da luz cria um efeito crescente mais profundo, envolvendo quase dois terços do caminho ao redor da silhueta da lua.

Já a lua no lado superior esquerdo da imagem, a Rhea, possui diâmetro correspondente a apenas um terço do tamanho da Titan e parece ser um pouco irregular por causa das suas crateras cobertas de gelo. A lua menor é a Mimas, que é 13 vezes menor do que Titan.

A fotografia foi capturada usando apenas a luz visível e uma lente de ângulo estreito da Cassini, tiradas a quase 2 milhões de quilômetros de distância. A sonda segue em sua missão por Saturno.

Fonte: Slash Gear via Nasa

Inscreva-se em nosso canal do YouTube!

Análises, dicas, cobertura de eventos e muito mais. Todo dia tem vídeo novo para você.