O céu (não) é o limite | O que está rolando na ciência e astronomia (23/07/2019)

Por Patrícia Gnipper | 23 de Julho de 2019 às 14h25

Terça-feira, aquele dia em que o Canaltech prepara um "resumão" dos principais acontecimentos científicos dos últimos dias. E, além das celebrações do cinquentenário da Apollo 11, rolou coisa boa na astronomia e também na saúde! Vamos lá:

IA cria nova vacina contra gripe

Sozinha, uma IA criada em uma universidade na Austrália criou uma nova vacina contra a gripe A tecnologia apelidada de SAM criou uma medicação tão eficaz que testes em humanos já até começaram nos EUA.

Segundo a universidade, SAM recebeu informações de agentes químicos conhecidos por ativarem o sistema imunológico humano e, em seguida, outros agentes químicos — que não trazem efeito algum sobre o nosso corpo — também foram inseridos no banco de dados da IA. A partir daí, SAM passou a trabalhar na geração de “trilhões” de compostos e combinações químicas para criar novos medicamentos.

A gripe em si nem era o alvo da pesquisa, por sinal, mas quando os pesquisadores selecionaram as combinações candidatas mais viáveis de serem reproduzidas, uma delas deu origem a uma vacina “turbocarregada” que, segundo testes realizados em animais, mostrou-se extremamente capaz de combater diversos tipos de gripe.

50 anos de Apollo 11

A famosa pegada no solo lunar (Foto: NASA)

No dia 16 de julho de 1969, a Apollo 11 foi lançada para que os astronautas Neil Armstrong e Buzz Aldrin se tornassem os primeiros humanos a pisar na Lua em toda a história. Michael Collins, o terceiro membro da tripulação, permaneceu no módulo de comando na órbita do satélite natural da Terra. O pouso propriamente dito aconteceu no dia 20 do mesmo mês, fazendo com que esta missão da NASA se tornasse a mais importante da história, pois marcou a chegada oficial de pessoas em outro mundo além da Terra.

O programa Apollo continuou enviando turmas de astronautas para lá até 1972, com a Apollo 17. Agora, se você se questiona por que a NASA não enviou mais astronautas à Lua desde então, aqui está a explicação definitiva:

Eclipse lunar parcial visto do Brasil

Na última terça (16), vimos um eclipse lunar parcial acontecer logo no início da noite, com a Lua já "nascendo" eclipsada. E como muita gente não conseguiu observar o fenômeno com os próprios olhos, a gente selecionou várias fotos incríveis tiradas por profissionais e entusiastas, como esta montagem que você confere abaixo:

View this post on Instagram

أخرج مسلم في صحيحه من حديث عائشة رضي الله عنها- أن الشمس انكسفت على عهد رسول الله فقام قياماً شديداً .... ثم قال « إن الشمس والقمر لا يكسفان لموت أحد ولا لحياته ولكنهما من آيات الله يخوف الله بهما عباده فإذا رأيتم كسوفا فاذكروا الله حتى ينجليا » #photographer #photography #photooftheday #photogrid #photoshoot #photograph #photomodel #photographers #lens #adobe #photoshop #mobile #art #lightroom #blue #huawei #canon #sony #camer #life #city #world #home #moon #eclipse #sky

A post shared by 𝚉𝙰𝙸𝙽 𝙼𝙰𝙽𝙳𝙸𝙻 (Blue soul)💙 (@zain_mn007) on

Neuralink conectando mente e máquina

Elon Musk enfim apresentou oficialmente a Neuralink, sistema visionário que conecta mente e máquina. O objetivo é que as pessoas do futuro possam se comunicar com máquinas sem que mecanismos físicos sejam necessários nessa dinâmica; ou seja, pessoas com deficiências serão as primeiras grandes beneficiadas.

Tudo funciona por meio de minúsculos fios flexíveis que se ligam ao cérebro, transferindo uma quantidade gigante de informações sem causar danos ao órgão. Agora, Musk diz que o objetivo é recrutar pessoas para servirem de cobaias, já que, atualmente, um protótipo do aparato está sendo testado somente em animais e por neurocientistas. Ainda segundo Musk, um macaco já conseguiu controlar um computador apenas usando o poder de sua mente.

Contudo, ainda é preciso haver regulamentações nesta nova empreitada científica, com o FDA americano envolvido. A pesquisa segue em andamento com testes em ratos, e ainda não há previsão de quando a tecnologia chegará ao mercado.

Asteroid QV89 não representa perigo à Terra

Contradizendo uma previsão anterior, a agência espacial europeia ESA refez cálculos e tirou o asteroide QV89 da lista de objetos com risco de se chocar contra a Terra. Anteriormente, a informação era a de que o objeto teria uma chance em sete mil de colidir com o nosso planeta em setembro de 2019.

Algoritmo faz novas descobertas analisando estudos científicos

Descobertas científicas completamente novas foram feitas por um algoritmo de aprendizado de máquina que analisou estudos já existentes e conduzidos por humanos. O algoritmo chamado Word2Vec revelou previsões de possíveis materiais termoelétricos que fazem a conversão de calor em energia, com a descoberta sendo feita sem que o algoritmo soubesse a definição de termoelétrica e sem receber treinamento em ciência de materiais. Um dos pesquisadores do estudo, Anubhav Jain, afirmou que o algoritmo é capaz de ler qualquer artigo sobre a ciência dos materiais e fazer conexões que, até então, nenhum cientista foi capaz.

Índia parte rumo ao polo sul da Lua

(Imagem: ISRO)

Depois de cancelar o primeiro lançamento aos 45 do segundo tempo, a ISRO (agência espacial indiana) lançou no início desta semana a missão Chandrayaan-2, que leva consigo uma sonda orbital, um módulo lunar estacionário e um rover ao polo sul lunar, além de 14 experimentos científicos. O pouso está previsto para setembro e, quando isso acontecer, o país se tornará a quarta nação a pousar uma nave na Lua, e o primeiro a levar um rover a esta região específica do nosso satélite natural.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.