NASA planeja enviar robôs movidos a energia eólica para Júpiter

Por Redação | 23 de Julho de 2015 às 11h48

O foco de atuação da NASA vem sendo a exploração de diferentes planetas com a ajuda de robôs. Recentemente, pudemos acompanhar a chegada da sonda New Horizons a Plutão e, agora, outro planeta, dessa vez gasoso, deve ganhar atenção: Júpiter.

A agência espacial norte-americana está planejando a criação de um "windbot", um robô movido a energia eólica, projetado para permanecer sobrevoando ao redor de Júpiter, sem precisar de asas ou configurações semelhantes a um balão. Por enquanto, o projeto ainda é um conceito, mas é bastante viável para a agência seguir estes planos, além de poder oferecer energia para que a sonda permaneça alimentada.

Em 1995, a NASA enviou uma sonda à Júpiter e ela sobreviveu por apenas uma hora antes de ser afetada pelas altas temperaturas e pela pressão. Por isso, o windbot seria uma boa opção no quesito sobrevivência ao clima.

Até o momento, não existem missões agendadas para o envio dos windbots, mas eles podem ser usados aqui na Terra para ajudar os cientistas a entender climas turbulentos como furacões.

Apesar da ideia, os planos para explorar Júpiter não estão todos no papel. A NASA anunciou no início deste mês que a sonda Juno deve chegar ao planeta no dia 4 de julho de 2016, quando completar cinco anos de viagem. A missão da nave, até então, está sendo bem-sucedida e deve revelar a história da formação e os detalhes da estrutura interior de Júpiter, que é o maior planeta do sistema solar.

Fonte: Ubergizmo

Siga o Canaltech no Twitter!

Não perca nenhuma novidade do mundo da tecnologia.