NASA obtém sucesso em testes finais do motor que levará foguete a Marte

Por Redação | 14.08.2015 às 15:09
photo_camera NASA

Nesta quinta-feira (13), a NASA realizou o penúltimo teste em um dos motores criogênicos RS-25 do Space Launch System (SLS), lançador que enviará ao espaço o foguete com destino a Marte. O teste aconteceu no Stennis Space Center, em Hancock County, no Mississippi, e foi transmitido ao vivo pelo site da Agência Espacial Norte Americana.

O sistema de lançamento enviará a cápsula Orion ao espaço com destino planejado para a Lua, a um asteroide mais distante e, por fim, chegando a Marte. O primeiro lançamento acontecerá em 2018, e a previsão para o envio de uma missão tripulada para o Planeta Vermelho fica para o ano de 2030.

O veículo de lançamento de cargas pesadas da NASA será equipado com dois foguetes de reforço para decolagem, contando com quatro motores R-25 para realizar a propulsão. Apesar de não ser um modelo exatamente novo, será a primeira vez que o sistema será responsável pela decolagem de um foguete tão grande e pesado, por isso houve a necessidade de atualizações no equipamento e de realização de novos testes em condições diversas.

Space Launch System

Arte que prevê como ficará o Space Launch System quando finalizado e pronto para o lançamento em 2018 (Reprodução: NASA)

Neste sexto e penúltimo teste, o motor do foguete simulou um lançamento completo, realizando o impulso necessário como se fosse o lançamento real. O SLS será o maior e mais poderoso foguete já desenvolvido pela NASA, sendo capaz de levar o homem a um destino longínquo como Marte, e o sucesso dos testes desta quinta-feira fazem com que a data de 2030 esteja cada vez mais confirmada para a missão.

De acordo com Todd May, diretor de programas do SLS, "é uma época empolgante para a NASA e para nossa nação, em que estamos nos preparando para ir a lugares no espaço onde nunca estivemos antes".

Fontes: Wired e NASA