NASA investirá US$ 10 milhões em equipamento para detectar novos exoplanetas

Por Redação | 30 de Março de 2016 às 08h43
photo_camera ESA/Hubble, M. Kornmesser2

Após intenso processo seletivo, a Universidade Estadual da Pensilvânia escolheu a equipe de pesquisadores que fará parte do time de cientistas que vai trabalhar em parceria com a NASA em um novo e milionário projeto. Chamado NN-EXPLORE (Exoplanet Observational Research Program), o programa contará com o apoio da National Science Foundation (NSF) e um investimento de US$ 10 milhões para construir um equipamento especializado na detecção de exoplanetas.

O equipamento foi batizado de NEID (NN-EXPLORE Exoplanet Investigations with Doppler Spectroscopy) e detectará planetas rochosos (como a Terra) orbitando estrelas além do Sistema Solar. A ideia é que ele seja capaz de fornecer dados para que a equipe consiga medir a órbita desses planetas e determinar a possibilidade de existência ou não de água líquida em suas superfícies, bem como calcular com precisão o tamanho desses corpos celestes.

A busca por planetas rochosos orbitando estrelas que não sejam o Sol faz parte dos esforços da NASA na jornada pela busca de planetas capazes de abrigar a vida como conhecemos - na esperança de até mesmo confirmar a existência de vida extraterrestre. Até fevereiro deste ano, cientistas já haviam descoberto 2.084 exoplanetas distribuídos pela imensidão do Universo, mas a maioria deles possui condições inóspitas à existência de vida. Desse número total, cerca de doze são semelhantes à Terra e estão localizados em zonas teoricamente habitáveis, com temperaturas médias dentro do nosso padrão, por exemplo.

WIYN Observatory

Telescópio do Observatório WIYN, localizado no mesmo terreno onde será instalado o NEID (Reprodução: Divulgação)

O “caçador de exoplanetas” será construído nos próximos três anos nos vários laboratórios da UPENN e está previsto para iniciar suas atividades em 2019 no estado do Arizona, onde também fica o observatório WIYN.

Fonte: Phys.org

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.