NASA está testando sistema que envia coordenadas após acidente aéreo

Por Redação | 31.07.2015 às 14:03

A equipe de engenheiros do Centro de Pesquisas de Langley da NASA completou a segunda fase de testes do projeto que visa melhorar a confiabilidade dos ELTs (Transmissores de Emergência Local, na sigla em inglês). Estas ELTs são dispositivos que possuem a finalidade de enviar suas coordenadas para uma equipe de emergência em caso de um acidente de avião.

O problema dos testes anteriores é que na maioria das vezes o transmissor foi danificado após o impacto do acidente, impedindo assim que ele funcionasse corretamente. Assim, os testes mais recentes da NASA visam melhorar a confiabilidade destes dispositivos em caso de acidentes, permitindo que eles estejam em pleno funcionamento ainda que os demais equipamentos das aeronaves estejam destruídos.

Os testes realizados são de grande valor para os estudos da NASA. O primeiro teste foi realizado em 1º de julho e avaliou o pouso das aeronaves em pista. Já o segundo teste realizado com um Cessna 172 incluiu uma simulação de acidente depois de um pouso a 30 metros em um terreno de areia. A mudança no tipo do solo significa que a estrutura e os ocupantes causam maior impacto aos equipamentos da aeronave.

Um fator a ser medido nos testes realizados pela NASA é a forma como os equipamentos são instalados. Basicamente, as ELTs possuem dois componentes principais: os sensores e pequenos aparatos do tamanho de uma pequena caixa instalados no interior do avião e uma antena para transmissão dos sinais. Uma vez que os sensores identificam um acidente, imediatamente eles transmitem para uma equipe de emergência, através da antena, os dados necessários para que a aeronave possa ser encontrada. "Recebemos feedback em tempo real", afirmou Chad Stimson, gerente do projeto.

Stimson declarou ainda que este tipo de simulação prova que os ELTs precisam ser mais robustos e resistentes, algo que a NASA vem trabalhando nos últimos meses para alcançar. Os dados colhidos a partir dos testes levarão a uma melhor orientação sobre como melhorar os sistemas e como fazer com que eles estejam em funcionamento após um acidente.

Fonte: NASA

Fonte: http://www.engadget.com/2015/07/29/nasa-crashed-another-cessna-to-improve-emergency-locators/?utm_source=Feed_Classic_Full&utm_medium=feed&utm_campaign=Engadget&?ncid=rss_full