Asteroide é batizado com nome de Leonard Nimoy, o eterno Spock de 'Star Trek'

Por Redação | 08.06.2015 às 11:41
photo_camera Divulgação

Cerca de quatro meses após seu falecimento, Leonard Nimoy, mundialmente conhecido por interpretar o personagem Spock na série Star Trek, foi imortalizado justamente no local que o levou ao sucesso: no espaço. O ator teve seu nome emprestado para batizar um corpo celeste, mais precisamente um asteroide.

Descoberto originalmente em 1988 pelo astrônomo belga H. Debehogne no ESO (European Southern Observatory), o objeto agora passa a se chamar 4864 Nimoy. Ele tem cerca de 10 km de diâmetro e está localizado no cinturão de asteroides entre os planetas Marte e Júpiter. Além disso, orbita o Sol uma vez a cada 3,9 anos e já pode ser visto em alguns aplicativos espaciais, como o Stellarium.

Uma página da NASA dedicada ao asteroide traz um breve resumo sobre a vida de Nimoy, "ator, diretor e poeta, mais conhecido por interpretar o cientista Spock no seriado 'Star Trek'".

Leonard Nimoy faleceu no dia 27 de fevereiro em sua casa, em Bel Air (Los Angeles, EUA), vítima de uma doença pulmonar crônica obstrutiva. Ele tinha 83 anos e deixou esposa e três filhos. O ator começou a sua carreira aos oito anos de idade nos palcos do teatro e participou de alguns filmes, mas o seu trabalho era mais dedicado às séries de TV, como Mission: Impossible, In Seach Of, The Twilight Zone e mais recentemente interpretou o Dr. William Bell, na série Fringe, da Fox.

Fora um asteroide com seu nome, Nimoy ganhará um documentário sobre sua vida. O filho do ator, Adam Nimoy, está produzindo o longa For the Love of Spock, que mostrará como o personagem Spock se tornou um ícone da cultura geek com o lema "Vida longa e próspera". O tributo está em busca da participação de fãs e entusiastas da série em uma campanha para arrecadar fundos no Kickstarter. O filme deve estrear no ano que vem, quando a franquia Star Trek comemora 50 anos.

Fonte: Slate