Acompanhe Mercúrio passando em frente ao Sol nesta segunda

Por Redação | 09.05.2016 às 07:45
photo_camera NASA

A partir das 8h da manhã desta segunda-feira (09) poderemos assistir ao fenômeno raro do planeta Mercúrio passando em frente ao Sol. O planeta aparecerá como um pequeno disco preto se deslocando em frente ao astro por algumas horas hoje, mas, para ver o espetáculo, é preciso utilizar equipamentos astronômicos adequados ou acompanhar as transmissões ao vivo pela web. Não vá olhar diretamente para o Sol!

Esse fenômeno acontece 13 ou 14 vezes a cada século e por isso o registro do ocorrido nesta segunda-feira é tão importante. Mercúrio é o menor planeta do Sistema Solar, tendo apenas 4.780 km de diâmetro, e dá a volta ao redor do Sol em 88 dias, passando entre a Terra e nossa estrela a cada 116 dias. E por que então esse fenômeno é tão raro? A resposta é simples: porque a inclinação da órbita do planeta faz com que ele pareça estar acima ou abaixo do Sol na maior parte do tempo.

O espetáculo começará às 8h12, no horário de Brasília, com previsão de término para as 15h24. Diversos sites transmitirão o fenômeno ao vivo pela internet, e talvez a transmissão mais interessante seja a da NASA pelo site da NASA Television, que captará as imagens diretamente do Solar Dynamics Observatory - seu observatório espacial dedicado exclusivamente para estudar o Sol. A agência espacial dos Estados Unidos criou um hotsite dedicado ao trânsito de Mercúrio em frente à estrela, e também programou um live event em sua página do Facebook.

Outra opção é acompanhar a transmissão do Slooh, uma comunidade de astrônomos e entusiastas da astronomia, que também acompanhará o espetáculo ao vivo. Quem preferir, pode acessar o canal da revista Sky & Telescope Magazine, que também exibirá ao vivo todos os momentos do trânsito de Mercúrio pelo Sol.

Quem perder a oportunidade de acompanhar esse momento histórico terá outra chance em novembro de 2019. Depois, o trânsito se repetirá somente em novembro de 2032, ou ainda em maio de 2049. A última vez que o menor planeta do nosso quintal espacial passou em frente à nossa estrela foi em 2006, fenômeno devidamente registrado pela NASA no vídeo a seguir: