Pesquisadores criam nova forma de ‘imprimir’ veias

Por Ultradownloads | 04 de Julho de 2012 às 10h05
veias impressas

O sistema vascular, composto por veias e vasos sanguíneos, é um dos principais condutores de nutrientes, vitaminas e sangue no corpo humano e quando ele apresenta algum problema, compromete o funcionamento dos órgãos. Engenheiros e biólogos já trabalham na criação de veias humanas utilizando células do próprio corpo como, por exemplo, com a construção de novos órgãos com base nas próprias células do paciente.

Para criar um novo sistema vascular capaz de conduzir nutrientes e oxigênio para as células e órgãos, os pesquisadores criaram um processo intitulado ‘bioprinting’, que utiliza impressoras 3D para criar finas e potentes veias condutoras.

Na tentativa de criar algo mais eficaz, pesquisadores da Universidade da Pensilvânia, nos Estados Unidos, decidiram utilizar um procedimento inverso. Ao invés de utilizar camadas de tecido com um canal oco, os engenheiros criaram uma rede de filamentos 3D dentro de um molde, criando um sistema vascular.

“Às vezes as soluções mais interessantes surgem ao nos voltarmos ao básico”, afirmou o pós-doutor Jordan Miller em nota oficial. “Tive a primeira ideia para esta solução depois de visitar a exposição Corpo, onde você pode ver moldes de plástico de todas as veias do corpo humano”.

Segundo o Nature Materials, a equipe de Miller afirmou que o material ideal para a construção de novas veias é o açúcar, já que ele é rígido, compatível com a impressora 3D e dissolve na água sem causar nenhum efeito tóxico sobre as células.

Os pesquisadores utilizaram a impressora 3D open-source RepRap e uma combinação de sacarose, glicose e dextrano para compor a estrutura do novo sistema.

O sistema ‘bioprinting’ representa uma solução altamente capaz de resolver problemas em muitos tipos de células e tecidos que necessitam de fluxo sanguíneo maior.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.