Open Hand Project: protéses robóticas de baixo custo com impressão 3D

Por Redação | 10.09.2013 às 14:54
photo_camera Fonte: Youtube Open Hand Project

O Open Hand Project é um projeto open source com o objetivo de criar próteses robóticas de baixo custo, acessíveis a pessoas deficientes, usando a tecnologia de impressão em 3D.

O projeto é resultado do trabalho de Joel Gibbard, que teve a ideia de desenvolver a Dextrus hand, uma mão robótica, enquanto estudava robótica na Universidade de Plymouth em 2011. Ele desenvolveu um protótipo como projeto no último ano de seu curso, antes de deixar a universidade para trabalhar como engenheiro na National Instruments.

Depois de trabalhar por dois anos na empresa, ele decidir deixar seu emprego em março de 2013 para se dedicar ao Open Hand Project. A ideia de Joel é criar próteses com componentes que não custarão mais do que £650 (cerca de US$1000) e ofereçam a maioria das funções de uma mão humana. Em geral, próteses como esta podem custar entre £25.000 e £80.000.

A Dextrus hand funciona como uma mão humana. Ela usa motores elétricos ao invés de músculos e cabos de aço no lugar de tendões. As partes impressas em 3D em plástico servem como ossos e um revestimento de borracha serve como pele. Todas as partes são controladas eletronicamente para dar à mão um movimento natural.

Ela usa também eletrodos para ler os sinais dos músculos restantes, que podem controlar a mão, dizendo quando abrí-la ou fechá-la. Os dedos são ligadas individualmente e casa um é capaz de sentir quando um objeto está impedindo um movimento, dando a habilidade de segurar um objeto suavemente ou firmemente. A mão ainda pode ser conectada a próteses existentes usando um conector padrão.

Ajude a financiar o projeto

Gibbard diz que já testou seu protótipo com mais de 100 pessoas amputadas, mas agora precisa de um financiamento coletivo para que a ideia possa ir para frente.

O projeto está no site de financiamento coletivo Indiegogo, com o objetivo de levantar ao menos £39,000 para refinar o design e criar o protótipo dos outros eletrônicos. Se você acredita que o Open Hand Project pode ajudar milhares de pessoas, como Gibbard acredita, pode fazer sua doação por aqui.