Japoneses desenvolvem bebê robô ultrarrealista

Por Redação | 29.07.2012 às 15:04

A robótica e a construção de seres eletrônicos muito parecidos com os seres humanos de verdade está evoluindo cada dia mais. Pesquisadores da Universidade de Osaka, no Japão, desenvolveram um robô bebê capaz de fazer os mesmos gestos e 'gracinhas' que uma criança de verdade, o Affetto.

O robô Affetto foi desenvolvido, assim como muitos outros projetos na área da robótica, para entender as relações da criança com seus pais que são fundamentais para o desenvolvimento cognitivo dela. Muitos estudos provam que a relação mãe-bebê é um dos principais fatores para o desenvolvimento saudável com base na interação e compreensão mútuas.

Robô Affetto

Os pesquisadores planejam acrescentar pernas, pés e mãos ao Affetto

De acordo com o Plastic Pals, os pesquisadores levaram aproximadamente um ano para construir o tronco, a cabeça e os braços do bebê robô. O mecanismo é composto por 20 atuadores pneumáticos, responsáveis por movimentar o pescoço, cabeça e braços do robô.

Os atuadores pneumáticos são mais complexos de serem controlados, porém, oferecem maior mobilidade e realismo às ações do robô se comparado com os mecanismos compostos por motores elétricos.

O corpo do bebê pesa aproximadamente três quilos e toda sua estrutura será coberta com gel elastômero de uretano, que é capaz de dar o aspecto macio e liso como se fosse a pele de um bebê de verdade. Além disso, seus criadores também planejam acrescentar pernas, pés e mãos ao robô, para garantir-lhe interação completa com o ambiente.

O projeto Affetto está sendo financiado por uma empresa privada até o ano de 2016. Com isso, podemos esperar que até lá, o bebê robô estará completo.

Confira abaixo um vídeo demonstrativo do Affetto: