Estudantes do MIT criam pulseira com ar condicionado

Por Redação | 01 de Novembro de 2013 às 11h20
photo_camera Divulgação

Sabe aqueles dias de muito calor em que a coisa que você mais deseja é entrar em uma sala fresquinha com ar condicionado ou ventilador? Se depender de quatro estudantes de engenharia do MIT, o Instituto de Tecnologia de Massachusetts, você poderá carregar essa tecnologia no seu bolso. Eles criaram uma pulseira termoelétrica capaz de enviar ondas de frio ou calor para o corpo do usuário.

De acordo com o Wired, o dispositivo se chama Wristify e funciona da seguinte maneira: um sistema inteligente acoplado ao bracelete direciona pulsos com ondas quentes ou frias direto para o pulso da pessoa. O que os pesquisadores descobriram é que, ao enviar essas ondas continuamente em uma mesma área, elas poderiam afetar todo o corpo, já que a pele humana é sensível a rápidas alterações de temperatura.

Sam Shames, que ajudou no desenvolvimento do gadget, explica que o processo causa uma reação que "engana" o corpo para sentir frio ou calor no mesmo lugar. O engenheiro acredita que a ideia pode ser uma boa alternativa para quem não tem ar condicionado em casa e, quem sabe, até substituí-los algum dia. Para se ter uma ideia, 89% dos brasileiros não possuem o aparelho em casa, enquanto 87% das residências nos Estados Unidos são equipadas com o produto.

Wristify

"Os prédios gastam uma quantidade incrível de energia para abastecer o ar condicionado. Na verdade, isso representa 16,5% de toda a energia primária consumida nos EUA. Queremos reduzir esse número mantendo o conforto térmico e individual", disse Shames.

A pulseira tem duração de bateria de 8 horas e passou por 15 protótipos até chegar em sua versão atual. Os sensores conseguem uma variação de temperatura de até 0,4 ºC por segundo. Além disso, o projeto Wristify foi premiado com US$ 10 mil em um concurso do MIT, dinheiro que, segundo a equipe, será investido para aprimorar o bracelete e lançá-lo comercialmente.

Canaltech no Facebook

Mais de 370K likes. Curta nossa página você!