Pesquisadores criam nanobateria que pode ser recarregada em apenas 12 minutos

Por Redação | 25.11.2014 às 08:56

A nanotecnologia deve ser o grande trunfo da indústria para vencer as atuais limitações na fabricação de baterias. Prova disso é que pesquisadores da universidade de Maryland, nos Estados Unidos, estão utilizando componentes 80 mil vezes menores do que um fio de cabelo.

"Estamos encantados pela performance", elogia Eleanor Gillete, especialista em química e uma das integrantes do grupo de cientistas envolvidos na pesquisa, segundo o Pocket Lint. O projeto prevê a criação de um "nanoporo" que tem as dimensões de um grão de sal. Bilhões desses componentes combinados num "favo de mel" podem montar uma poderosa bateria do tamanho de uma pequena moeda.

Essas nanobaterias têm o triplo de vida útil e exigem apenas 12 minutos para recarga total, além de não sofrem problemas de "vício", podendo ser recarregadas quantas vezes forem necessárias. De acordo com os pesquisadores, a ótima performance acontece porque a eletricidade percorre trajetos menores nos nanoporos.

A impressionante autonomia e o tamanho animam o setor, que deve ter amplas possibilidades de uso, principalmente na fabricação de eletrônicos, carros e edifícios. E os cientistas miram mais longe, já que, utilizadas em larga escala, as nanobaterias podem oferecer vantagens ainda maiores.

Por enquanto, o problema é o uso de material, que é caro para a produção em massa. A expectativa é de que as nanobaterias possam ser uma realidade no uso comercial entre os próximos cinco e dez anos.

Fonte: http://www.pocket-lint.com/news/131791-nanobatteries-triple-life-recharge-in-12-minutes-and-are-80-000-times-smaller-than-a-human-hair?