Cientistas desenvolvem consciência do Mario e personagem passa a agir sozinho

Por Redação | 22 de Janeiro de 2015 às 16h00

Mario, o famoso personagem dos videogames da Nintendo, agora é capaz de aprender, ter autocontrole e pensar independentemente para interagir com os jogadores e responder perguntas normais a um ser humano. Como informa o pessoal do IGN, os responsáveis por atribuir um cérebro ao encanador bigodudo foram alguns pesquisadores alemães da Universidade de Tübigen.

"Mario vai coletar moedas se ele está com fome. Quando ele fica curioso, vai explorar seu ambiente de forma autônoma e reunir conhecimento sobre itens os quais ainda não sabe muito a respeito", afirma um dos pesquisadores num vídeo que explica o experimento.

Batizado de "Mário Vive! Uma Abordagem Adaptativa de Aprendizagem para Inteligência Artifical para Gerar e Viver uma Conversação com Mario", o estudo atribuiu uma consciência ao personagem, que agora é capaz de responder perguntas simples, executar tarefas comuns aos jogos da série e aprender de acordo com o ambiente em que está.

MARIO CONSCIENTE

Um dos exemplos de como o grupo vem sendo bem-sucedido é quando Mario é questionado sobre a existência dos Goombas, os monstrinhos marrons que incomodam a vida do encanador desde o primeiro título da série. Ele responde que nada sabe sobre isso e, ao receber o comando para eliminar o inimigo na tela, passa a procurar por outros semelhantes, por conta própria, sem que o usuário faça outro pedido. Ao final, a mesma pergunta inicial é feita novamente e Mario reflete: "Se eu saltar sobre Goomba, então talvez ele morra".

Para chegar a esse resultado, a equipe precisou simular dezenas de cenários para que o computador calculasse as variáveis e as ações. Mario lembra do que acontece quando pula sobre um Goomba e armazena essas informações. Provavelmente, após a morte de vários Goombas, pode ser que ele mude ainda mais suas respostas.

O projeto está inscrito no People's Choice Awards na categoria de Vídeos de Inteligência Artificial e tem como objetivo fazer com que Mario se torne consciente e autossuficiente. Se forem bem-sucedidos, o personagem deve fazer escolhas com base em curiosidade, fome, felicidade e medo.

Confira o vídeo feito pelos pesquisadores demonstrando o "Mario consciente":

Fonte: http://www.ign.com/articles/2015/01/20/researchers-are-teaching-super-mario-to-think-and-feel

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.