Cientistas criam menor e mais eficiente LED já feito

Por Redação | 17 de Março de 2014 às 07h40

Um grupo de pesquisadores da Universidade de Washington publicou na semana passada um artigo científico que demonstra o LED (light emitting diode) mais fino já criado. Ele foi produzido utilizando tecnologia bidimensional e possui apenas três átomos de espessura. Isso o torna pelo menos dez vezes mais fino do que os LEDs atualmente disponíveis no mercado.

Para Xiaodong Xu, um dos autores do projeto, esse tipo de tecnologia pode se tornar o futuro do mercado de eletrônicos. "Isso é um grande salto na miniaturização da tecnologia. Por ser um semicondutor, você pode fazer praticamente qualquer coisa que hoje é feita com tecnologias tridimensionais de silicone", disse Jason Ross, co-autor do estudo. O LED criado pelos dois foi feito com camadas de um semicondutor conhecido como disseleneto de tungstênio, um material catalogado recentemente e classificado como um dos mais finos semicondutores conhecidos.

nano led

Close de uma camada de átomos de disseleneto de tungstênio

Agora, o time de pesquisadores pretende continuar pesquisando maneiras de criar LEDs bidimensionais, além de estudar as possibilidades de uso da nova tecnologia. Eles estimam que no futuro será possível substituir os semicondutores que funcionam por eletricidade por semicondutores óticos, que seriam mais eficientes e não sofreriam com problemas de aquecimento.

"Uma solução promissora seria substituir a interconexão elétrica com interconexões óticas, que manteriam uma alta passagem de dados, mas consumiria menos energia", disse Xiaodong Xu. "Nosso trabalho torna possível fazer aparelhos altamente integrados e eficientes em áreas como geração de luz, comunicação ótica e nano lasers", concluiu.

Fonte: http://phys.org/news/2014-03-scientists-thinnest-possible-stronger-energy-efficient.html

Canaltech no Facebook

Mais de 370K likes. Curta nossa página você!