CES 2019 | D-Link apresenta novas tomadas inteligentes e sensores de água

Por Felipe Demartini | 07 de Janeiro de 2019 às 17h21

Você pode conhecer a D-Link como a fabricante dos modems e roteadores que você tem em casa, mas à CES 2019, a companhia veio para solidificar sua posição no mercado da Internet das Coisas. E a ideia é fazer com que aparelhos tradicionais ganhem um pouco mais de inteligência a partir de, principalmente, duas categorias de produtos: os plugues de tomada e os sensores para água.

Conectados a um ecossistema da própria empresa, o MyDLink, os dispositivos ficam ligados à rede sem fio e podem ser monitorados a distância. De acordo com a fabricante, uma das principais vantagens, e também algo que evita potenciais problemas de funcionamento, é o fato de eles se conectarem diretamente ao Wi-Fi, sem a necessidade de um hub central. Sendo assim, desde que a internet esteja funcionando, os aparelhos também estarão.

Aqui, são duas versões, voltadas para ambientes internos e externos. Enquanto a primeira é mais arrojada e toma cuidado com o design, podendo ser instalada dentro de paredes e até mesmo passando despercebida, a segunda é um pouco mais robusta, trazendo proteção contra intempéries, choques e outros fatores do lado de fora.

Tomadas inteligentes da D-Link dão funcionalidades adicionais a aparelhos comuns, enquanto sensor de água pode detectar vazamentos (Imagem: D-Link)

Por meio do aplicativo próprio, os plugues ganham uma série de recursos. É possível ligar ou desativá-los remotamente ou configurar horários e agendas para passagem de energia, além de criar timers indicando o tempo até o próximo desligamento. A D-Link aponta as tomadas como boas alternativas para quem deseja reduzir o consumo de energia ou para ter aquele café pronto na hora de acordar, a partir de uma cafeteira comum, sem precisar apertar o botão manualmente e esperar.

O segundo produto, entretanto, é um pouco mais sofisticado. O sensor para água é capaz de detectar automaticamente o consumo e emitir relatórios sobre utilização, podendo ser colocado em qualquer lugar da casa ou em pontos que exijam atenção, facilitando a localização de vazamentos.

Mais uma vez, os dados são disponibilizados em um ecossistema próprio enquanto o dispositivo em si, como não poderia deixar de ser, é à prova d’água. De acordo com a fabricante, ele pode ser posicionado até mesmo em locais onde há corrente, como sob a torneira, sem interferências em seu funcionamento normal. A integração com a Assistente da Google, ainda, permite acesso às informações por meio de comando de voz, enquanto notificações podem ser configuradas para avisar sobre eventuais anomalias encontradas.

A D-Link destaca ainda todas as integrações como o principal ponto positivo dos dois produtos, trazendo mais segurança e, principalmente, alternativas baratas para a configuração de residências inteligentes. Os dispositivos estão em exibição no estande da empresa na CES 2019, um dos maiores eventos de tecnologia do mundo, que está acontecendo nesta semana em Las Vegas, nos Estados Unidos.

Quanto a preços e datas de lançamento, entretanto, as informações ainda não são tão precisas. Enquanto o sensor para água tem lançamento marcado para este primeiro semestre, custando US$ 50 (aproximadamente R$ 180), as tomadas devem chegar a partir de abril, ainda sem preço definido para nenhuma das duas versões.

Fonte: D-Link

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.