Acer anuncia novo Chromebook ideal para o mais desastrado dos usuários

Por Redação | 04 de Janeiro de 2017 às 08h20

Vamos combinar uma coisa aqui: os notebooks são aparelhos extremamente frágeis e pouca coisa foi feita nos últimos anos para aumentar a durabilidade deles. Cair no chão é sinônimo de morte para esses equipamentos, que atualmente podem chegar a custar pequenas fortunas. Quem é um pouquinho mais descuidado ou desastrado geralmente foge deles como o diabo foge da cruz. E foi pensando nesse público que a Acer anunciou nesta terça-feira (03) o Chromebook 11 N7 na CES 2017.

Com display de 11 polegadas e teclado emborrachado resistente a líquidos, o novo notebook da marca asiática atende a padrões militares de durabilidade e é capaz de sobreviver a quedas de aproximadamente 1,5 metro e resistir à pressão de até 60 quilos. Ou seja, dá até para pisar em cima dele que tudo continuará bem.

O problema mesmo é que toda essa resistência tem um custo. Devido à sua couraça, o Chromebook 11 N7 pesa 1,3 quilo - o mesmo que um MacBook Air. É, parece pouco, mas lembre-se que estamos falando de um notebook de apenas 11 polegadas.

Mirando resistência e durabilidade, o Chromebook 11 N7 oferece especificações básicas e corpo relativamente grosseiro para um equipamento de 11 polegadas (Divulgação: Acer)

Outro problema é que quem procura por desempenho e um bom custo-benefício não se sentirá atraído pelas especificações do equipamento. Por US$ 229, o usuário leva para casa um Intel Celeron N3060, até 4 GB de memória RAM e 16 GB ou 32 GB de armazenamento interno. A bateria tem capacidade para apenas 4.090 mAh, há uma câmera HD e suporte a Bluetooth 4.0 e Wi-Fi 802.11ac. Fora isso, o novo Chromebook da Acer vem com apenas duas portas USB 3.0, trava de segurança Kensington e entrada para fones de ouvido.

Se você não é tão exigente ou utiliza o computador apenas para tarefas básicas - e é desastrado -, o Chromebook 11 N7 pode ser uma boa opção. Caso contrário, ele pode muito bem ser classificado como um equipamento destinado à educação devido à sua resistência e durabilidade.

Fonte: The Next Web

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.