CES 2014: conheça todas as novidades da NVIDIA

Por Pedro Cipoli | 06 de Janeiro de 2014 às 11h55

A CES 2014 mal começou em Las Vegas, mas a NVIDIA não perdeu tempo e já realizou a sua conferência com a imprensa para anunciar seus lançamentos. E entre os mais importantes temos o novo chip móvel da empresa, o Tegra K1. Para entendermos um pouco mais os detalhes desse novo SoC (System-on-Chip), basta pensarmos no seguinte: imagine todas as tecnologias das placas de vídeo mais avançadas da série GeForce GTX (como a GTX 780 ou a GTX Titan) no seu smartphone ou tablet.

NVIDIA Tegra K1 04

Ele será equipado com 4 núcleos ARM Cortex-A15 de 2,3 GHz mais um núcleo de economia de energia, GPU GeForce com 192 cores de processamento CUDA utilizando a arquitetura Kepler (o Tegra tinha "somente" 72 cores, para comparação), que serão programáveis como acontece com as GPUs de PC, e capacidade de suportar um display com resolução 4K de forma nativa.

NVIDIA Tegra K1 02

O Tegra K1 virá em duas versões: a primeira com as especificações listadas acima e outra com o já bastante anunciado chip com núcleos Denver da NVIDIA, este utilizando uma arquitetura de 64 bits como o Apple A7, com dois núcleos rodando até 2,5 GHz. Pelo que pudemos ver, ele oferecerá uma performance semelhante, senão superior, ao modelo quad-core, suportando não só o novo conjunto de instruções ARMv8 como também trazendo um generoso cache L1 de 128 Kb (os modelos atuais trazem 32 bits), e será usado tanto em smartphones e tablets como em carros, nos computadores de bordo.

Esse novo chip suporta DirectX 11 (o que o torna uma boa opção para dispositivos com Windows), OpenGl 4.4, Tesselation e até a Unreal Engine 4, também contando com processamento assíncrono, ou seja, poderá ligar e desligar núcleos conforme a necessidade de processamento ou de economia de energia, algo comum em chips Snapdragon da Qualcomm. A NVIDIA afirma que isso aumentará significativamente a duração de bateria, mas é difícil confirmar essa informação até que equipamentos com o Tegra K1 cheguem ao mercado.

NVIDIA Tegra K1 01

Outra novidade, extremamente interessante em nossa opinião, é o Game Stream. Ainda que os novos consoles tenham aquecido o mercado de games, o público de jogos para PC continua firme e forte. O Game Stream promete melhorar ainda mais a experiência desse público, com uma ideia simples, porém muito legal: permite o streaming de qualquer jogo que esteja rodando no PC para a televisão, tanto via cabo (HDMI, no caso) quanto via rede wireless local.

NVIDIA Tegra K1 03

É necessário ter um SHIELD para realizar essa comunicação, como foi demonstrado no evento com o streaming do jogo Batman em uma televisão 4K (na verdade, o streaming foi feito em 1080p a 60 Hz, e a televisão fazia o upscaling para 4K). Outra demonstração foi feita com o streaming via internet utilizando um servidor GRID localizado a 6000 milhas (9600 Km) do local, isso com uma latência de apenas 30 milissegundos, algo que poderá se tornar uma excelente opção no futuro, caso as velocidades de internet continuem aumentando.

NVIDIA Game Stream

Por último temos o G-Sync, uma tecnologia de atualização de tela semelhante ao V-Sync, só que, ao contrário desta, ela será embutida nos monitores, não nas placas de vídeo. Os primeiros monitores, provavelmente com pelo menos resolução Full HD, chegarão ao mercado nos próximos anos, com vários fabricantes já confirmados, como ASUS, ACER e HP.

Inscreva-se em nosso canal do YouTube!

Análises, dicas, cobertura de eventos e muito mais. Todo dia tem vídeo novo para você.