Casa conectada | Google pode estar desenvolvendo smart display próprio

Por Ares Saturno | 02 de Abril de 2018 às 16h29
Tudo sobre

Google

De acordo com observações feitas na semana passada pelo vice-presidente da Google, Rishi Chandra, a gigante talvez não tenha desistido da ideia de lançar seu próprio smart display. Durante entrevista para a Variety, Chandra sugeriu planos para o tal dispositivo, que seria uma espécie de speaker inteligente com uma tela acoplada, além de expor sua visão sobre o papel da empresa nas casas conectadas.

Após o lançamento do Echo Show pela Amazon, no ano passado, cresceu o rumor que a Google estaria interessada em lançar seu próprio dispositivo inteligente do mesmo tipo, talvez incorporado à linha Google Home. Já em janeiro de 2018, a gigante das buscas anunciou diversas parcerias com fabricantes de dispositivos, como a Sony e a Lenovo, por exemplo.

Quando questionado de por que a Google preferiu trabalhar com parceiras ao invés de lançar seu próprio dispositivo, Chandra disse que pode ter sido apenas uma questão de tempo para anunciar as parcerias primeiro. "É uma categoria (de hardware) emergente. Eu não estou dizendo que não vamos fazer isso", disse o VP, que costumava trabalhar no dispositivo de streaming Chromecast, mas que recentemente foi promovido para supervisionar o gerenciamento dos produtos domésticos da empresa.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Dispositivo inteligente com display integrado ao Google Assistente. (Foto: Janko Roerrgers / Variety)

Não é fácil entrar neste mercado

Chandra é, agora, responsável por produtos como os auto-falantes inteligentes Google Home nas versões Min (mais acessível), e a mais robusta, Max. Esse último, concorrente direto do HomePod, da Apple.

Chandra disse que não é fácil entrar no mercado de áudio premium, pois o público é muito fiel às marcas já consagradas de Hi-Fi. Mas o VP parece confiante e afirma: "É uma aposta que o mercado de auto-falantes está evoluindo. Assistentes serão uma parte essencial dessa experiência".

Com o uso de inteligência artificial para trabalhar continuamente na melhoria de som, a Google oferece o smart sound junto com seu Google Home Max, facilitando a otimização do som ao evitar distorções de freqüências baixas. Chandra anunciou que em breve virão produtos focados em diminuir ruídos de fundo e melhorias de áudio voltadas para a conversação.

Vale lembrar que o Facebook também estava em vias de lançar seus auto-falante e display inteligentes Aloha e Fiona, mas que, devido às polêmicas a rede social decidiu adiar o lançamento.

Fonte: Variety

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.