Volkswagen trará ônibus e caminhões eletrificados para o Brasil em 2020

Por Felipe Ribeiro | 04 de Outubro de 2019 às 23h50
Volkswagen
Tudo sobre

Volkswagen

Saiba tudo sobre Volkswagen

Ver mais

A Volkswagen apresentou seus modelos de ônibus e caminhos eletrificados que devem chegar ao Brasil no ano que vem. A montadora alemã criou um conceito chamado e-Consórcio, que possui previsão de investimento de R$ 1,5 bilhão apenas para estes veículos. Com essa medida, a empresa quer compartilhar infraestrutura, desenvolvimento, montagem e gerenciamento de ciclo de vida de caminhões elétricos. O primeiro produto que será fabricado será o caminhão EV e-Delivery, em Resende (RJ), previsto para chegar ao mercado em 2020.

O e-Delivery será equipado com um motor elétrico de 272 cv e 219 kgfm de torque, na versões de 11 e 14 toneladas. Haverá, também, uma variante de 4 toneladas, com um conjunto menos potente de 115 cv e 28,5 kgfm. Em todos os casos, o caminhão tem autonomia em torno de 200 km, sem contar a recuperação de energia através dos freios, como já é vista em outros carros elétrico e híbridos.

O segundo produto previsto é o Volksbus e-Flex, ônibus que ainda está em fase de testes e que traz a ideia de uma motorização mista - e não híbrida. Ele pode rodar por 200 km usando apenas a energia das baterias e pode usar o motor a combustão (1.4 TSI flex ou a versão a gás natural 1.4 TGI) como gerador de energia para as baterias - como a BMW faz com o i3.

Imagem: Volkswagen

E-Consórcio

Imagem: Volkswagen

De acordo com o pessoal do Motor1, e-Consórcio é uma evolução do Consórcio Modular criado pela Volks, no qual a fabricante divide a montagem dos veículos dentro da fábrica com sete fornecedores. O novo sistema traz mais empresas e prevê mais etapas do processo além da produção, como a Siemens, que fornecerá infraestrutura, carregadores e energia; CATL e Moura irão fornecer, gerenciar e fazer a manutenção das baterias; e Bosch, WEG e Semcon desenvolverão componentes específicos para os veículos eletrificados.

Fonte: Motor1

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.