Versão melhorada de piloto automático da Tesla chega em dezembro

Por Redação | 28.11.2016 às 08:37 - atualizado em 28.11.2016 às 10:15

Depois de enfrentar alguns problemas relacionados à acidentes, a Tesla está se preparando para liberar uma versão aprimorada do seu piloto automático. De acordo com o CEO da empresa, Elon Musk, donos de carros Model S e Model X vão começar a receber os novos recursos de autocondução em meados de dezembro.

Por meio de um tweet publicado no último domingo (27), o executivo disse que a novidaed deve chegar em "cerca de três semanas". Além disso, ele também avisou que as novas funcionalidades serão lançadas gradativamente, por meio de atualizações mensais.

Em setembro, a montadora de carros elétricos anunciou que, futuramente, todos os seus carros seriam equipados com uma versão melhorada do piloto automático, o que permitiria algo bem próximo de uma autonomia na condução do veículo. A atualização do hardware contará com 8 câmeras e 12 sensores supersônicos, aumentando assim a capacidade de processamento de informações do software.

A atualização do Autopilot também transformará o sistema de radar dos veículos em uma fonte primária de informação para os recursos de autocondução. O radar foi adicionado a todos os veículos de Tesla em outubro de 2014 como parte do conjunto de hardware do piloto automático, mas só foi concebido para ser um sensor adicional para o sistema de câmera. Após avaliar algumas situações, a Tesla decidiu usá-lo como um sensor de controle primário, sem exigir a câmera para confirmar reconhecimento de imagem visual.

Com a ajuda do hardware, o novo piloto automático permitirá ações como mudança automática de faixa, manter a velocidade adequada para as condições de tráfego e para os limites da via, saída automática da rodovia quando a saída de destino se aproxima, estacionamento inteligente quando uma vaga se aproxima, entre outras coisas.

O update é um avanço na tecnologia da Tesla, que em 2017 pretende alcançar o nível 5 de autonomia em seus veículos, o que significa que eles conseguirão andar por aí sem o auxílio direto do motorista em todos os tipos de estrada e em todas as condições meteorológicas.

Via Mashable