Toyota adota plataforma da Ford para conectar aplicativos móveis e carros

Por Redação | 04 de Janeiro de 2016 às 17h43

A tecnologia de código aberto da Ford para conectar aplicativos móveis com interfaces de automóveis está recebendo alguns novos e importantes apoiadores. Nesta segunda-feira (4), a Toyota disse que vai adotar o chamado SmartDeviceLink em seus carros num futuro próximo.

Fornecedores automotivos como QNX Software Systems e UIEvolution também disseram que vão adotar a tecnologia, enquanto montadoras como Peugeot Citroën, Honda, Subaru e Mazda também já estão pensando em utilizar a plataforma em seus veículos.

A ideia por trás do SmartDeviceLink é dar aos desenvolvedores uma plataforma única para permitir que motoristas interajam com seus apps móveis por meio de botões no painel, displays e recursos de reconhecimento de voz em seus carros. O SmartDeviceLink é, essencialmente, a versão de código aberto do Ford AppLink.

Aplicativos como Spotify, iHeartRadio, Concur, entre outros, já são usados no AppLink em cerca de cinco milhões de carros da Ford atualmente. Graças a estes novos parceiros (e aqueles que a empresa espera ter no futuro), a Ford prevê que até 28 milhões de carros terão suporte ao SmartDeviceLink até 2020.

Em alguns pontos, a plataforma é semelhante ao Android Auto, do Google, e ao CarPlay, da Apple, e até mesmo a própria Ford anunciou que em breve vai atualizar o Sync, seu sistema de navegação, para suportar as plataformas do Google e da Apple. Na realidade, porém, ter esses padrões concorrentes provavelmente vai criar alguma confusão entre os compradores de carro e vai ser interessante ver como os fabricantes de automóveis vão tentar aliviar isso.

Via Tech Crunch

Siga o Canaltech no Twitter!

Não perca nenhuma novidade do mundo da tecnologia.