Projeto Titan, da Apple, na verdade pode ser uma van elétrica, diz revista

Por Thaís Augusto | 22 de Fevereiro de 2019 às 08h22
Divulgação
Tudo sobre

Apple

Saiba tudo sobre Apple

Ver mais

Um dia depois do vazamento de relatório da Apple sobre o seu ultrassecreto Projeto Titan de carros autônomos, mais um rumor foi divulgado. Desta vez, a revista alemã Manager Magazin sugeriu que a Maçã não está trabalhando para desenvolver um carro autônomo, mas sim uma van elétrica.

Recentemente, a suposição mais forte apontava que a Apple havia desistido de seu carro autônomo e estaria apenas desenvolvendo um software para veículos sem motorista em parceria com fabricantes de automóveis como a Volkswagen.

Nesta quarta-feira (20), um relatório da gigante de tecnologia descrevia o seu interesse em sistemas autônomos em termos amplos e econômicos, porém sem a citação de implantações futuras ou aplicativos comerciais para a tecnologia.

Agora, uma reportagem da Manager Magazin diz que fontes confirmam que o Projeto Titan não foi desenhado para a criação de carros. Eles contam que o projeto ainda está em fase de protótipo e poderá lançar no mercado uma van elétrica.

Protótipos da van nas cores preta e prata foram supostamente vistos. Não há nenhuma informação técnica sobre os veículos. A reportagem ainda diz que os engenheiros da Apple agora trabalham no interior da van elétrica.

Vale lembrar que, em agosto do ano passado, o principal engenheiro de veículos da Tesla, Doug Field, deixou a empresa para retornar à Apple. Ele faz parte da equipe que trabalha no Projeto Titan.

Em 2015, a Apple também contratou uma série de profissionais com experiência em carros autônomos e elétricos e levantou a suspeita da criação de um veículo que reuniria as duas características.

Naquele ano, a empresa recrutou pelo menos sete profissionais com experiência em desenvolvimento de tecnologia de autocondução. Entre elas estão Megan McClain, ex-engenheira da Volkswagen; Vinay Palakkode, pesquisador de pós-graduação da Universidade Carnegie Mellon; e Xianqiao Tong, desenvolvedor de um software para assistência de direção e ex-Nvidia.

Há ainda Paul Furgale, ex-vice-diretor do Laboratório de Sistemas Autônomos do Instituto Federal Suíço de Tecnologia; Sanjai Massey, engenheiro da Ford com experiência no desenvolvimento de veículos conectados e automatizados; Stefan Weber, ex-engenheiro da Bosch com experiência em sistemas de assistência ao motorista com base em vídeos; e Lech Szumilas, ex-pesquisador da Delphi com experiência em visão computacional e detecção de objetos.

É possível que a Apple tenha decidido criar um veículo elétrico, mas ainda com a característica autônoma. Nos relatórios recém-divulgados foi possível observar que a Maçã aumentou significativamente o número de quilômetros percorridos autonomamente. No geral, a empresa relatou 130 mil km conduzidos durante abril de 2017 e novembro de 2018.

Agora resta esperar para ver realmente o que está por trás do Projeto Titan. A expectativa é de que ele não fique pronto antes de 2023.

Fonte: Ubergizmo

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.