Piloto automático da Tesla está envolvido em mais um acidente

Por Redação | 11.08.2016 às 09:08

Mais um acidente envolvendo o piloto automático da Tesla foi registrado nesta quarta-feira (10). De acordo com informações divulgadas pela imprensa internacional, o veículo, um Model S, acabou colidindo com um carro parado ao não detectá-lo na faixa da esquerda. É o primeiro caso do tipo relatado na China.

A batida aconteceu em uma estrada em Pequim, e, graças ao tráfego intenso, não houve maiores danos ou feridos. Porém, o incidente reitera as polêmicas sobre o sistema autônomo da fabricante, que tem sido alvo de críticas após uma série de acidentes, sendo um deles, fatal.

Um porta-voz da Tesla se manifestou afirmando que o problema fundamental do acidente foi a falta de atenção do condutor chinês. Segundo a apuração da montadora, o motorista, Luo Zhen, não estava com as mãos ao volante no momento da colisão. Procurado pela Reuters, o condutor confirmou a informação e disse estar distraído ao celular.

Apesar de admitir não estar atento, Zhen se defendeu dizendo que o carro foi vendido com a garantia de função autônoma. "A impressão que eles dão é que ele dirige sozinho, não que é uma assistência ao motorista", explicou.

A Tesla, por outro lado, deixa claro que, independentemente da tecnologia, é necessário que o motorista mantenha atenção no trânsito justamente para evitar incidentes como esse. Seja como for, o termo "piloto automático" tem gerado confusão entre os proprietários, que esperam que o carro dirija sem a necessidade de interferência humana. Será que mudar o nome da função ajudaria a evitar novos acidentes?

Fonte: Engadget