Carros autônomos poderão consumir até 4 Tb de dados por dia

Carros autônomos poderão consumir até 4 Tb de dados por dia

Por Redação | 18 de Agosto de 2016 às 08h22

Se consumo (e limite!) de dados já é uma pauta recorrente e que preocupa na atualidade, no futuro isso pode ser um problema ainda maior. Com a Internet das Coisas, nos próximos anos cada vez mais objetos estarão conectados, consumindo informação. Nesta quarta-feira (17), o CEO da Intel Brian Krzanich estimou que o uso diário de dados por pessoa vai dobrar, chegando a 1,5 gigabytes, até 2020. Se popularizados, os veículos autônomos poderão processar até 4 terabytes por dia.

A projeção de Krzanich, embasada por estudos da empresa Datafloq, sugere que cada carro autônomo consuma o equivalente ao gasto diário de 2,666 pessoas. Ainda que o número pareça exageradamente grande, a ideia faz sentido se considerarmos que os veículos processarão centenas de informações por segundo, desde mapas até o clima, trajetos e outros dados de conexão.

A tecnologia se move em ritmo extremamente acelerado. Se compararmos smartphones de 5 anos atrás aos atuais, eles chegam a incomodar de tão lentos. Como um celular funcionava com tão pouca memória RAM? O mesmo vale para as conexões. Há pouco mais de uma década, como sobrevivíamos com a conexão discada?

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Em pouco tempo, os dispositivos inteligentes tomarão conta de tudo. Milhões de dados serão trocados no mundo todo, o que vai gerar uma demanda por conexões aprimoradas. Vislumbrar esse futuro é até fácil, mas viabilizar uma estrutura para ele é bem mais difícil.

Como primeira medida para suprir esta demanda que virá, a tecnologia 5G já está sendo pesquisada por operadoras como AT&T e Verizon. No entanto, a previsão de lançamento é para a Olimpíada de Inverno da Coreia do Sul em 2018.

Fonte: Mashable

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.