Carro da Nissan movido a bioetanol fará 600 km por tanque

Por Redação | 14 de Junho de 2016 às 10h39

A Nissan está trabalhando em um novo sistema de abastecimento que pode substituir carros movidos à gasolina, eletricidade e até hidrogênio. O sistema elétrico de bioetanol da Nissan quer mudar o panorama da indústria automobilística.

A ideia é que o veículo utilize a chamada "Célula de Combustível de Óxido Sólido" (SOFC, na sigla original) para gerar eletricidade, que por sua vez carregará uma bateria responsável por fornecer energia ao motor - algo bastante parecido com os atuais carros movidos a hidrogênio, só que empregando biocombustível.

As vantagens desse sistema são grandes. Ele é mais sustentável que a gasolina e o diesel e pode ser carregado mais rapidamente do que a eletricidade pura. Além disso, ele utiliza um combustível que tem CO2 neutro. Tudo isso com a capacidade de rodar 600 quilômetros com apenas um tanque.

O bioetanol pode ser feito de milho ou cana de açúcar e misturado com água para deixá-lo mais seguro que outros combustíveis. Isso também significa que ele pode ser transportado mais facilmente e até mesmo armazenado nas casas dos consumidores.

No momento, a Nissan está apenas trabalhando na tecnologia, mas novidades devem ser reveladas em breve.

Via: Pocket Lint

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.