Audi revela o SUV médio elétrico e-Tron para concorrer com o Tesla Model-X

Por Rafael Arbulu | 18 de Setembro de 2018 às 13h45
(Imagem: Divulgação/Audi)

A montadora alemã Audi promoveu evento em Richmond, Califórnia, para mostrar ao mundo, pela primeira vez, o seu SUV de médio porte totalmente elétrico. Chamado “e-Tron”, o automóvel deve chegar no início de 2019 nos EUA, efetivamente inaugurando uma competição pelo mercado estabelecido do Tesla Model-X. O Canaltech havia antecipado a possibilidade de um anúncio da empresa nesta linha, no início de agosto.

O e-Tron, cujo preço de base é de US$ 74 mil (com reservas reembolsáveis de US$ 1 mil já disponíveis), conta com dois motores elétricos que prometem acelerar o carro de 0 km/h a 100 km/h em 5,5 segundos, com velocidade máxima de aproximadamente 200 km/h. As baterias são de 95 kWh, o que deve assegurar uma viagem de pouco mais de 400 km de distância com uma única carga. Mais além, um recurso interessante vem no e-Tron: a frenagem também deve gerar uma carga — ainda que baixíssima — de bateria, por meio de absorção de energia cinética.

No que tange à recarga da bateria, cerca de 30 minutos plugados devem levar a carga a 80% de nível, e a Audi firmou parceria com a Amazon Home Services para desenvolver um sistema de recarga ao longo de uma noite completa para as casas dos compradores. Mais além, a Electrify America, outra parceira da Audi para o e-Tron, anunciou que terá pontos de recarga para o SUV por todo o território norte-americano até julho de 2019.

Durante o lançamento, a Audi afirmou que desenvolveu esse SUV no intuito de ser “normal”: “o mais importante para nós era fazer com que a transição do motor de combustão para o carro elétrico fosse a mais fluída possível”, disse ao Mashable Filip Brabec, vice-presidente de gestão de produtos da Audi, que completou: “Não queríamos criar um carro que fosse muito ousado ou peculiar e diferente”.

A Audi lançará versões do e-Tron com recursos específicos, dependendo do mercado: na Europa, por exemplo, os retrovisores serão virtuais, onde, além de enxergar o trânsito traseiro, o motorista também “verá” detalhes como níveis de bateria e quanta carga é gerada em uma frenagem. Essa especificação estará fora da edição americana, onde isso foi proibido. De resto, todos os recursos dos automóveis da montadora alemã estão presentes, como carregador wireless para smartphones, menu touchscreen e console virtual.

Três edições distintas do e-Tron chegarão ao mercado no ano que vem: além da linha básica, a Audi lançará também a edição “Prestige” (com display ejetável, funções de assistência ao motorista, assentos massageadores e outros recursos de luxo, por US$ 81 mil) e a versão “First Edition” (sem recursos detalhados, pelo valor de US$ 86,7 mil e limitado a 999 unidades produzidas).

Veja a seguir uma galeria com as imagens do Audi e-Tron.

Fonte: Mashable

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.