Nanotecnologia ajuda na segurança de veículos brasileiros

Por Redação | 03 de Outubro de 2012 às 11h00

A empresa DNA Security trouxe para o Brasil uma tecnologia chamada DNA Dot, que usa a nanotecnologia para ajudar a melhorar a segurança dos automóveis.

O sistema funciona por meio de 7 mil micropontos, com códigos únicos e originais, instalados em diversas partes do veículo. Esses pontos permitem que o carro seja rastreado e garantem sua identificação e originalidade, ajudando a inibir furtos e roubos.

Além do quesito segurança, um estudo está sendo realizado para aplicar a nanotecnologia a outras funções para modernização dos carros como, por exemplo, vidros autolimpantes, partículas de cerâmica resistentes e vidros e plásticos mais resistentes a riscos.

Assista Agora: Nunca mais contrate funcionários para sua empresa! Comece o ano em uma realidade completamente diferente!

"A nanotecnologia surge como uma aliada ao combate contra o roubo e furto de veículos, já que inibe um dos maiores motivadores desse tipo de crime: a venda ilegal de peças", disse Roberto Macea, gerente comercial do grupo DERKA Brasil, controlador da DNA Security.

Isso é possível, pois, após a aplicação dos micropontos, todas as informações do proprietário e do veículo serão cadastradas em um banco de dados online. Se por acaso o carro virar objeto de alguma investigação policial, esse "Cadastro Preventivo" servirá como fonte de consulta para as autoridades.

Nanotecnologia em automóveis
Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.