Crie apresentações corporativas mais eficientes com estas 4 dicas básicas

Por Redação
photo_camera http://startse.infomoney.com.br/portal/2016/05/02/18952/dica

Algumas pessoas parecem ter o dom, outras possuem grande dificuldade em apresentações no trabalho, principalmente quando é preciso criar slides para a condução dos temas. As dificuldades e os erros são vários, por isso selecionamos algumas dicas que podem lhe ajudar na missão.

Esse tipo de apresentação também é bem comum em colégios e faculdades, e vamos combinar: é impossível não dormir em meio a uma apresentação interminável e chata. O princípio básico está justamente aí, buscar o interesse através das imagens e tópicos sem ser maçante. As dúvidas na hora de montar a apresentação são as mais diversas e vão da escolha dos efeitos e cores até a quantidade de conteúdo em texto.

Texto: apenas o essencial

Não encha de texto, coloque apenas o essencial. Em geral, alguns tópicos já são suficientes para pontuar o tema e discorrer sobre o assunto. Slides cheios de textos, além de serem chatos e cansativos, podem levar a escolha de uma fonte muito pequena e isso pode ser um sério empecilho a quem está assistindo a apresentação.

Importante! O slide tem duas funções principais: complementar sua fala e ser um roteiro que dá suporte a sua fala. Você é o protagonista da apresentação, não suas telas.

Cores: escolhas simples

O primeiro ponto a destacar sobre as cores é não sobrepor cores que tenham pouco contraste, pois isso pode dificultar a visão e levar a exaustão após um período. Pense, por exemplo, que um fundo amarelo com letras vermelhas não é uma boa aplicação, principalmente se for em mais de um slide.

Lembre-se também de não causar um mal-estar usando cores de concorrentes em sua apresentação. Dê preferência a tons que remetam à identidade visual de sua empresa, colocando suas cores nos títulos, por exemplo.

Tipografia: facilite a leitura

Da mesma forma que se faz com a quantidade de texto e a escolha das cores, deve-se fazer o mesmo na escolha tipografia para garantir a fácil legibilidade. Se você optar mesmo por trabalhar com tópicos, poderá, facilmente, regular o tamanho da letra na tela, o espaçamento entre cada tópico e ainda pode sobrar espaço para algum outro elemento, como um gráfico.

Na escolha da fonte, a dica é buscar novamente a simplicidade para não causar dificuldade de leitura.

Os efeitos: não se empolgue

Segure-se! Mesmo que queira muito, não vale a pena colocar efeitos de transição superchamativos, com sons a cada entrada de texto ou de nova tela. Os danos na atenção dos ouvintes serão certos - dispersão e mais atenção nos efeitos.

Quer chamar atenção? Coloque vídeos, imagens e outros elementos que vão complementar seu conteúdo e trazer consigo a atenção da plateia.

Fonte StartSe

Inscreva-se em nosso canal do YouTube!

Análises, dicas, cobertura de eventos e muito mais. Todo dia tem vídeo novo para você.