Campus Party 2014: apagão atinge maior evento de tecnologia do Brasil

Por Caio Carvalho | 28 de Janeiro de 2014 às 20h04

Começou nesta segunda-feira (27), em São Paulo, a sétima edição da Campus Party Brasil. Em meio a palestras de executivos e personalidades – como o vocalista do Iron Maiden, Bruce Dickinson –, a maior feira de tecnologia do país também é marcada por alguns problemas técnicos.

Nesta terça-feira (28), segundo dia do evento, o pavilhão do Anhembi sofreu um apagão por volta das 19h20. A iluminação de emergência foi ligada mas a queda da força não causou grandes problemas graças a sete geradores instalados no local. Apesar da falta de luz, a internet na área dos campuseiros e a energia que abastece os computadores não sofreram impacto.

"Pessoal, queria pedir desculpas, vocês devem ter reparado nas luzes piscando. A arena está 100% no gerador. Todos os computadores, todo o pessoal de rede. Vocês viram que o palco principal está funcionando. A arena esta 100% no gerador" (...) "As luzes vão piscar pois é um problema do município, não da Campus, porém fiquem tranquilos, estamos 100% funcionais no gerador", disse um dos organizadores do evento ao microfone.

A assessoria da Campus Party afirmou que vai soltar um comunicado sobre o ocorrido, e vamos atualizar a nota assim que ele sair.

Nas redes sociais, os campuseiros comentaram sobre a falta de energia:

Outra reclamação que percorreu os corredores da CP foi sobre a internet. Os organizadores sempre lembram, com orgulho, de que a conexão deste ano é de incríveis 40 Gbps de velocidade, tanto para download como para upload. Mas alguns campuseiros relataram dificuldades para navegar na rede, o que, de acordo com a Campus Party, já foi normalizado.

A máquina para comprar Bitcoins trazida pela operadora brasileira Mercado Bitcoin também teve falhas de funcionamento no segundo dia do evento. O aparelho, que fica bem na entrada da Campus, parou de operar por volta das 13h00 e não há previsão de quando o dispositivo estará ativo novamente. Segundo a organização da empresa, a fabricante foi contatada para resolver o problema o mais breve possível.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.