Projeto mapeia fotos do nascer e do pôr do Sol postadas no Instagram

Por Redação | 10 de Junho de 2015 às 08h14
photo_camera instagram.com/airguide

O projeto All Our Suns (Todos os Nossos Sóis, em tradução livre) reúne em um só lugar fotografias do Sol nascendo e se pondo em diversas partes do mundo. Criado pela designer, fotógrafa e programadora Michelle Chandra, ele mapeia o Instagram a fim de coletar as imagens para seu banco de dados.

Isso é feito por meio de um algoritmo que reconhece toda e qualquer foto marcada com as hashtags “#sunrise” (nascer do Sol) e “#sunset” (pôr do Sol). No site criado por Chandra, é possível ver um mapa mundi atualizado em tempo real com o resultado desse monitoramento realizado sempre nas últimas 24 horas, tudo graças ao sistema de geolocalização das postagens.

Mapa mundial do Sol

O objetivo de Michelle Chandra com o All Our Suns é justamente mostrar como a percepção do tempo é relativa, sempre de acordo com a perspectiva que cada pessoa tem do horário e do local em que se encontra.

“Nós vivemos em um mundo que segue uma ideia fixa do tempo, um tempo-padrão sincronizado e fixado em um lugar por fusos horários, relógios e calendários”, conta a programadora no site do projeto. “Usuários do Instagram revelam uma ideia diferente de tempo, um tempo irregular e altamente texturizado no qual o nascer do Sol é o começo do dia para um e o fim do dia para outro, em um ciclo que nunca tem fim”, complementa.

All Our Suns

Mapa mostra um tempo real das postagens (Foto: Reprodução/All Our Suns)

Assim, ela desenvolveu um jeito de reunir em um só lugar cada uma dessas visões, permitindo ao mundo todo acompanhar o nascer e o pôr do Sol de diferentes localidades sem sair da frente do computador. No mapa em tempo real, quanto maior é o círculo exibido, mais próximo do evento (amanhecer ou entardecer) é a imagem.

Chandra destaca ainda que o monitoramento leva em conta o período entre zero a seis horas desde que o Sol se põe e de zero a 18 horas desde quando ele se levanta. “Enquanto alguns usuários do Instagram postam fotos do nascer do Sol dentro de quatro horas após isso acontecer, muitos outros aguardam até o final do dia para lembrar do amanhecer”, conta.

Double rainbow

A programadora já havia ficado conhecida por usar um método semelhante para coletar imagens de outro evento natural: o aparecimento de arco-íris duplos. Depois de um vídeo que se tornou viral em 2010, quando um homem ficava extasiado ao se deparar com um arco-íris duplo, a programadora criou um algoritmo capaz de identificar as postagens com a hashtag “#doublerainbow” realizadas nas últimas 24 horas em diversas partes do mundo.

Assim, Michelle Chandra manteve o site Chasing Double Rainbows no ar (ele funciona melhor no Chrome), no qual é possível ver o “caminho” dos arco-íris duplos e também uma galeria com todas as imagens.

Fonte: All Our Suns, Chasing Double Rainbows

Canaltech no Facebook

Mais de 370K likes. Curta nossa página você!