Pessoas tiram 6 vezes mais fotos hoje em dia que 10 anos atrás

Por Redação | 21.12.2015 às 09:45

Não há muito tempo, ver o resultado de uma fotografia era algo que envolvia um longo e custoso processo. A começar pela compra da própria câmera, que não era algo tão barato assim, até a aquisição de um rolo de filme e o longo processo de revelação, que envolvia deslocamento e algumas surpresas desagradáveis - como a queima do filme.

Hoje, graças a revolução da fotografia digital, nunca foi tão fácil e democrático "bater uma foto". E um belo indicativo disso é o estudo Living with Digital feito pelo Futuresource Consulting. Nele, a empresa de consultoria revela que atualmente 4 bilhões de pessoas em todo o mundo fazem um total de 1,2 trilhão de fotos por ano - um número surpreendente que representa 8 vezes mais pessoas fotografando e 6 vezes mais fotos sendo feitas do que há 10 anos.

Outro dado que chama bastante atenção é que os smartphones são os principais responsáveis por esse crescimento. A partir de entrevistas com 4.251 pessoas nos Estados Unidos, Reino Unido, França, Alemanha, Canadá e Austrália, a Futuresource constatou que 79% delas fazem da câmera do aparelho a sua principal opção. Fora o depoimento dos entrevistados, o que também respalda tal constatação é o aumento de fotos produzidas enquanto a venda de câmeras fotográficas caiu no mesmo período.

Embora o cenário seja preocupante à primeira vista, empresas como Nikon e Canon têm visto as vendas das máquinas fotográficas se estabilizarem após um longo período de queda. Segundo a Futuresource, essa quietude pode significar que, sim, as pessoas realmente preferem a portabilidade, a interface gráfica e a possibilidade de compartilhamento instantâneo da imagem nas redes sociais que os smartphones oferecem; mas depois de um tempo elas procuram por câmeras mais avançadas buscando mais qualidade óptica e um sensor maior.

No fim das contas, tudo não passa de um ciclo que continuará empurrando a quantidade de imagens capturadas para cima: as pessoas se encantam com essa arte graças a um dispositivo simples, se interessam cada vez mais por ela e depois se arriscam com câmeras semi ou profissionais.

Fonte: Amateur Photographer