Netshoes pode abrir seu capital no primeiro semestre de 2014

Por Redação | 16.09.2013 às 15:53

A Netshoes está avaliando a possibilidade de entrar no mundo das ações em breve. O vice-presidente de planejamento da empresa, José Rogério Luiz, disse que a decisão sobre a abertura de capital da companhia deve ser tomada no primeiro semestre de 2014.

"O IPO só serve para injeção de caixa e só se materializa a partir do momento que atingimos velocidade absoluta de cruzeiro, o que deve acontecer no primeiro semestre de 2014", afirmou o executivo durante evento realizado pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (Fecomercio-SP), de acordo com a agência de notícia Reuters.

O executivo disse ainda que a Oferta Pública Inicial (IPO) da varejista online de artigos esportivos pode acontecer no Brasil ou nos Estados Unidos. Isso porque a empresa acredita que os dois mercados estão muito próximos, e que os investidores de ambos os países avaliam de maneira semelhante o comércio eletrônico.

"Abrir o capital tem que ser uma vontade, não uma necessidade. Nós estamos no campo da vontade", afirmou. Os eventuais recursos provenientes da abertura de capital devem ser direcionados para o plano de expansão e crescimento da companhia, acelerando assim sua consolidação no Brasil e aumentando sua participação em mercados como Argentina e México.

A Netshoes foi a primeira empresa no Brasil a optar por continuar seus negócios somente na internet, em 2007, quando seu fundador, Marcio Kumruian, decidiu fechar sua loja física localizada em São Paulo. Na última década, a Netshoes apresentou crescimentos exponenciais a cada ano, fechando 2012 com faturamento bruto de R$ 1,15 bilhão e receita líquida, excluindo ICMS e outras despesas pequenas, de R$ 783 milhões. Desde o início deste ano, a empresa tem dado indícios de que está caminhando rumo ao mercado de ações, incluindo rumores acerca de negociações com algumas instituições financeiras que podem auxiliar no seu IPO.