Nasdaq anuncia sua primeira parceria com uma empresa de bitcoins

Por Redação | 26.03.2015 às 15:26

Os maiores operadores da Bolsa de Valores dos Estados Unidos estão adotando medidas para abraçar a tecnologia das Bitcoins. A notícia aumenta a especulação de que a moeda virtual está deixando as margens do mercado financeiro para se tornar parte real de negociações sérias.

A Nasdaq OMX Group Inc., empresa multinacional norte-americana de serviços financeiros que opera no mercado de ações Nasdaq e em oito bolsas de valores europeias, revelou na última terça-feira (24) que concordou em licenciar a tecnologia de trading X-Stream para a startup nova iorquina de negociação de bitcoins Noble Markets. Isso significa que a Noble vai usar o mesmo software usado pelas Bolsas de Valores em todo o mundo para negociar as moedas virtuais.

Saiba mais: Conheça a moeda virtual que não depende de governos e bancos

Sem dúvidas esse é um voto de confiança na tecnologia Bitcoin, e uma oportunidade de passar mais credibilidade para os usuários, uma vez que grandes empresas utilizam a mesma tecnologia para transações com dinheiro real.

"Eles poderão dizer que investiram em organizações sofisticadas, com operações cuidadosas. Sendo bom para nós, será bom para eles", afirmou John Betts, CEO da Noble Markets. "Estamos entusiasmados para trabalhar com os veteranos da indústria", completou.

Enquanto algumas startups de bitcoin desenvolveram recentemente sua própria tecnologia para negociação, o sistema da Nasdaq foi testado incansavelmente por anos. A Nasdaq fornece software comercialmente para empresas como Japan Exchange Group Inc. e Singapore Exchange Ltd., que estão entre os maiores operadores do mundo.

Betts chegou a dizer ainda que, com base em sua experiência pessoal, acredita que as principais instituições financeiras estão começando a evoluir o seu pensamento a respeito do maior ecossistema de bitcoin a ponto de envolver sua própria tecnologia no assunto.

Esse passo pode ser realmente muito importante, uma vez que o mercado de compra e venda de bitcoins levou um forte golpe em sua reputação em 2014. Na ocasião, a Mt Gox, que já foi a maior bolsa mundial de negociação de bitcoins, sofreu um ataque hacker e perdeu 850 mil bitcoins – avaliados em US$ 500 milhões – e foi obrigada a fechar seu site. A empresa entrou com pedido de falência. Sem dúvidas, o software da Nasdaq dará mais legitimidade ao processo.

Fonte: Bloomberg