Stormtrooper assusta escola e é preso nos Estados Unidos

Por Redação | 08.06.2015 às 10:38
photo_camera Divulgação

Se, no Brasil, um bando de gente vestida de Stormtrooper vira fenômeno no programa do Silvio Santos, a coisa é um pouco diferente nos Estados Unidos. Tanto que um homem decidiu exibir sua nova armadura de soldado do Império Galáctico e acabou sendo preso não por membros da Aliança Rebelde, mas pela própria polícia do estado de Massachusetts.

Tudo começou quando funcionários da Brickett Elementary School, na cidade de Lynn, viram o personagem da série Star Wars andando próximo à escola. No entanto, o que tinha tudo para ser apenas mais uma bizarrice excêntrica da vizinhança ganhou tons de desconfiança quando perceberam que ele estava armado. Afinal, estamos falando de um membro de elite do exército de Darth Vader, não é mesmo?

O diretor do colégio decidiu não se arriscar e, na dúvida se o armamento usado pelo Stormtrooper era uma réplica de brinquedo ou uma arma de verdade, chamou a polícia para averiguar a situação e ainda trancou a escola para impedir que alguém pudesse entrar ou sair do local.

Chegando lá, os policiais levaram George Cross, de 40 anos, para a delegacia para prestar depoimentos e explicar o que diabos ele estava fazendo fantasiado e com uma arma laser, assustando a todos que passavam por perto. Ele foi acusado de perturbação de sossego e vadiagem.

Em entrevista ao jornal 7News Boston, Cross comentou o assunto e protestou diante da forma como tudo aconteceu. Ele reclama de ter sido tratado como um estranho ou coisa parecida apenas por estar exercitando seu hobby pacificamente na vizinhança, uma vez que ele comprou a armadura e quis exibi-la para os amigos nas redondezas.

Apesar da clara paranoia dos norte-americanos diante dos vários episódios de violência em escolas, o sargento responsável pela prisão disse não acreditar que George Cross era uma ameaça em potencial para a segurança dos alunos, mas que ele não iria tolerar nenhum tipo de perturbação dentro de sua jurisdição.

Assim, com a aproximação da estreia de Star Wars: Episódio VII - O Despertar da Força, é melhor ficar esperto antes de fazer seu cosplay e sair nas ruas empunhando armas laser ou mesmo um sabre de luz. Afinal, você nunca saberá quando a paranoia vai bater e sua sessão de cinema pode acabar dentro de uma delegacia.

Via: 7News Boston (YouTube), CNET