Professora deixa celular sobre a mesa, tem foto íntima vazada e perde o emprego

Por Redação | 05 de Março de 2016 às 11h05
photo_camera Reprodução/How To Geek

A professora Leigh Anne Arthur, da Carolina do Sul, nos Estados Unidos, perdeu o emprego após uma foto íntima sua ser vazada na internet. O pivô do vazamento, porém, não foi nenhum hacker ou ex-namorado, como normalmente ocorre em situações do tipo, mas, sim, um aluno que encontrou o smartphone da professora desbloqueado sobre a mesa de sua sala. O estudante navegou pelo álbum de fotos da professora e encontrou uma foto dela nua – alguns veículos relatam ainda que a nudez era parcial.

Não contente por violar a privacidade da professora ao mexer em seu celular, o jovem tirou uma foto da foto com o seu próprio smartphone e compartilhou com amigos e também por meio de redes sociais. O evento logo tomou grandes proporções e Arthur se viu obrigada a pedir demissão da escola onde trabalhava. Em sua defesa, a professora alegou que a foto havia sido tirada para o seu marido e também que ela não deveria ser punida pelas ações do aluno.

“Ele escolheu tirar fotos das minhas fotos e compartilhá-las”, disse Arthur ao site WYFF4.com. Entretanto, o superintendente da escola David Eubanks discorda, afirmando que, ao deixar o telefone desbloqueado e acessível a outras pessoas, ela basicamente “tornou a foto em que aparece nua disponível para os seus estudantes”. Contudo, as autoridades do estado da Carolina do Sul estão investigando o caso e em breve deve ser feito um anúncio informando se o aluno responsável pelo vazamento será processado ou não. Além disso, há uma petição online com mais de 11 mil assinaturas solicitando a reintegração de Leigh Anne Arthur ao cargo que ocupou durante 13 anos.

Esta história é um bom alerta sobre o quanto é importante manter seus gadgets devidamente protegidos com senha, afinal as ameaças nem sempre estão apenas no âmbito virtual da coisa. Contudo, é impossível não destacar a sequência de absurdos que levaram uma professora a ser punida por causa de uma foto.

Fonte: WYFF4.com, Inside Edition