Criança de dois anos brinca com celular do pai e compra um carro sem querer

Por Redação | 18.12.2015 às 08:31

Se você não se importa de deixar seu smartphone com seu filho ou aquela sobrinha que ainda está aprendendo a engatinhar, é melhor pensar duas vezes antes de fazer isso com o aparelho desbloqueado. Por mais que seja engraçadinho vê-los brincar com a tecnologia desde cedo, eles podem fazer algo que você não esperava, como comprar um carro. Parece exagero ou o tipo de coisa que só se vê em filmes, mas aconteceu de verdade com um homem nos Estados Unidos.

O jovem Paul Stoute entregou seu celular para a filha Sourella, de apenas dois anos, para que ela brincasse um pouco com o aparelho. Ele achou engraçado a atenção que a menina dava à tela, batendo aleatoriamente sobre o display. O que ele não esperava, contudo, é que a garotinha conseguisse usar o smartphone de alguma forma e acessasse o eBay. O resultado foi que ela acabou comprando um carro enquanto seu pai apenas ria inocentemente da menina.

O modelo em questão foi um Austin-Healey Sprite, um automóvel inglês fabricado na década de 60 que alguém estava leiloando na internet. Stoute conta que só descobriu a aquisição de sua filha quando ele recebeu um e-mail notificando a compra e, na hora, achou que era apenas mais um spam. No entanto, não muito depois, ele percebeu que a compra tinha sido real e que o valor até tinha sido debitado de seu cartão de crédito. Por sorte, o carro não custou muito caro, já que a negociação foi fechada em US$ 225 — ou seja, mesmo muito jovem, Sourella demonstrou saber negociar e aproveitar as melhores ofertas.

carro ebay

O homem disse que chegou a pedir a anulação da compra no eBay, mas logo voltou atrás e, por ter sido uma compra relativamente barata, decidiu ficar com o veículo. Segundo Stoute, o velho Austin-Healey Sprite já é propriedade de sua filha e ela vai usá-lo quando tiver 18 anos e tirar toda a documentação necessária para dirigi-lo. Até lá, o automóvel vai passar por sérias reformas, já que ele está bem danificado e com várias marcas da idade.

De acordo com o pai da criança, apesar da pechincha, a garotinha ainda não sabe muito bem escolher o melhor produto, já que o carro parece mais um monte de entulho. Ao longo desses quase 50 anos, o veículo comprado sem querer acumula reformas e alterações na sua estrutura, o que garantiu o apelido de FrankSprite. Por sorte, Sourella ainda terá 16 anos para ver esse monte de entulho virar algo apresentável. E, como seu pai confessa, todo mundo está feliz por ela não ter aprontado uma dessas comprando um Porsche.

Via: Fox 12 Oregon